Utilize este link para identificar ou citar este item: https://bdm.unb.br/handle/10483/18322
Arquivos neste item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2017_HebertHenriqueMirandaFerreira.pdf867,63 kBAdobe PDFver/abrir
Título: A aprendizagem matemática e o transtorno do déficit de atenção e hiperatividade
Autor(es): Ferreira, Hebert Henrique Miranda
Orientador(es): Neves, Regina da Silva Pina
Assunto: Distúrbios da aprendizagem
Transtorno do Déficit de Atenção com Hiperatividade (TDAH)
Algoritmos
Matemática - estudo e ensino
Data de apresentação: 2017
Data de publicação: 20-Nov-2017
Referência: FERREIRA, Hebert Henrique Miranda. A aprendizagem matemática e o transtorno do déficit de atenção e hiperatividade. 2017. 53 f., il. Trabalho de conclusão de curso (Especialização em Psicopedagogia Clínica e Institucional)—Universidade de Brasília, Brasília, 2017.
Resumo: O Transtorno e Déficit de Atenção e Hiperatividade (TDAH) tem como características básicas a desatenção, a agitação e a impulsividade. Esse transtorno representa grande desafio para a educação, além de significativo impacto no convívio familiar e social. Neste trabalho, discutimos essa temática tendo como foco o desenvolvimento de conhecimentos matemáticos, especificamente no que se refere às ideias da divisão e seus procedimentos de cálculo junto a estudante do Ensino Fundamental Anos Iniciais. Nota-se que muitos alunos apresentam dificuldades e terminam o Ensino Fundamental sem entender a lógica inerente ao algoritmo formal da divisão. Nesse contexto, este trabalho teve como objetivo intervir psicopedagogicamente junto a um aluno do quarto ano do Ensino Fundamental, de uma escola pública do Distrito Federal, diagnosticado com TDAH. Para tanto, utilizamos a abordagem teórico-metodológica defendida por Fávero (2014), avaliando, nas primeiras sessões, as competências e as dificuldades apresentadas pelo estudante. Posteriormente, procedemos às intervenções, de modo que os resultados de cada sessão nos ofereciam subsídios para o planejamento da sessão seguinte. Os resultados mostraram avanços conceituais e procedimentais importantes, visto que o aluno passou a usar com mais frequência e segurança tanto o cálculo mental, quanto o algoritmo formal da divisão na resolução de problemas.
Abstract: Agitation, lack of attention and impulsiveness are basic characteristics of Attention Deficit Hyperactivity Disorder (ADHD). This disorder represents great challenge for education, besides significant impact on social and family life. At this work, we will discuss this topic focusing on math knowledge development, specifically regarding to the ideas of division and its procedures with an Elementary student. We noticed that many students show struggle and finish school without learning the inherent logic of a formal division. In such context, this work aims in interfere psycopedagogycly in an Elementary student (4rd) studying in a Public School at Distrito Federal, diagnosed with ADHD. We used Fávero‟s theoretical-methodologic of intervention (2014), evaluating, first session, the student‟s skills and difficulties. Later, we proceeded with intervention so that the results of each session provide us subsides for the next sessions. Results showed advance concepts and important procedures, since the student began to use more frequently and safely both mental and formal algorithm to solve division problems.
Informações adicionais: Trabalho de conclusão de curso (especialização)—Universidade de Brasília, Instituto de Psicologia, Departamento de Psicologia Escolar e do Desenvolvimento, 2017.
Aparece na Coleção:Psicopedagogia Clínica e Institucional



Este item está licenciado na Licença Creative Commons Creative Commons