Utilize este link para identificar ou citar este item: http://bdm.unb.br/handle/10483/14699
Título: Direitos humanos e políticas públicas de saúde : análise das práticas educativas da gerência técnica de DST/Aids e Hepatites Virais do estado do Tocantins
Autor(es): Ribeiro, Rosicler Lopes
Orientador(es): Barbosa, Fabiany Glaura Alencar e
Assunto: Práticas pedagógicas
Políticas públicas - saúde
Educação em saúde
Data de apresentação: Out-2015
Referência: RIBEIRO, Rosicler Lopes. Direitos humanos e políticas públicas de saúde: análise das práticas educativas da gerência técnica de DST/Aids e Hepatites Virais do estado do Tocantins. 2015. 71 f. Monografia (Especialização em Educação em e para os Direitos Humanos no Contexto da Diversidade Cultural)—Universidade de Brasília, Brasília, 2015.
Resumo: O desenvolvimento desse estudo buscou investigar as práticas pedagógicas que visem o assentamento de novos conhecimentos, habilidades e atitudes voltadas para o exercício dos Direitos Humanos e da diversidade cultural no curso de Qualificação em vigilância epidemiológica das DST de notificação compulsória e na metodologia de Teste Rápido para diagnóstico da infecção pelo HIV e triagem da Sífilis e Hepatites Virais (B/C) oferecido pela Gerência Técnica de DST/Aids e Hepatites Virais. Buscou também conhecer o cotidiano dos docentes, seus conhecimentos, suas habilidades e praticas, identificando elementos relacionados às temáticas dos Direitos Humanos e a aplicação das dimensões dos saberes e das competências. Tratou se de um estudo qualitativo utilizando métodos como analise documental, observação e entrevista não estruturada realizadas com os três docentes do referido curso. A análise dos dados teve como referencial as políticas de saúde, educação em saúde e Direitos Humanos, na perspectiva dos quatro pilares da educação do futuro: saber conhecer, saber fazer, saber ser e saber conviver. Os resultados apontam que de forma incipiente, ou seja, pontual existe uma abordagem dos temas Direitos Humanos, voltados para o conteúdo de ética e sigilo, onde são abordados riscos e vulnerabilidades dos usuários em relação as DST/Aids e Hepatites Virais. Outro aspecto importante refere a entrevista onde 100% dos entrevistados acreditam que a inclusão da temática Direitos Humanos proporciona maior êxito nos estudos dos estudantes no tocante a desmistificação de preconceitos e melhora no atendimento. Conclui-se que não existe práticas pedagógicas sistematizadas para a construção de um Projeto Político Pedagógico –PPP que efetive a temática de Educação em Direitos Humanos. Entende se que por meio das políticas de educação em saúde e da educação em Direitos Humanos, possa fortalecer as praticas dos profissionais de saúde (docentes e discentes), garantindo a qualidade do atendimento, a resolutividade e a saúde integral do usuário.
Abstract: The development of this study attempted to investigate the pedagogical practical that aim at the settlement of new knowledge, abilities and attitudes directed toward the Human Rights and cultural diversity in the Qualification course on epidemiologic surveillance of the DST of compulsory reporting STDs and on Rapid Testing methodology for diagnosis of the infection by the HIV and screening of the Syphilis and Viral Hepatitis (B/C) offered by the Management of STD/Aids and Viral Hepatitis. It was also attempted to get to know the daily lives of the trainers, their knowledge, abilities and practices, identifying elements related to the subject of Human Rights and the application of the dimensions of their knowledge and competences. It was a qualitative study using methods such as document analysis, observations and non-structured interviews carried through with the three teachers of the reported course. The analysis of the data had as reference the policies on health, health education and Human Rights, in the perspective of the four pillars of the education of the future: learning to know, learning to do, learning to be and learning to live together. The results show that, in an incipient or focused way, there is an approach on the Human Right subject, towards the content of ethics and secrecy, where they approach risks and vulnerabilities of the users related to STD/Aids and Viral Hepatitis. Another important aspect relates to the interview where 100% of the interviewed subjects believe the inclusion of the thematic HR provides a greater success in the studies of the students in regards to raising awareness of prejudices and improvement in care. We can conclude that there are no systematic pedagogical practices for the construction of a Political Pedagogical Project - PPP that encompasses the thematic of Education in Human Rights. It is understood that by means of policies on education in health and education in Human Rights, it can strengthen the practices of the health professionals (teachers or students), guaranteeing the quality of care, the solvability and the integral health of the user.
Informações adicionais: Monografia (especialização)—Universidade de Brasília, Instituto de Psicologia, Curso de Especialização em Educação em e para os Direitos Humanos, no contexto da Diversidade Cultural, 2015.
Aparece na Coleção:Educação em e para os Direitos Humanos, no contexto da Diversidade Cultural

Arquivos neste item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2015_RosiclerLopesRibeiro_tcc.pdf317.67 kBAdobe PDFver/abrir


Este item está licenciado na Licença Creative Commons Creative Commons