Utilize este link para identificar ou citar este item: http://bdm.unb.br/handle/10483/11971
Arquivos neste item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2015_VanessaDiasdaSilva.pdf1,17 MBAdobe PDFver/abrir
Título: A dinâmica simbólico-emocional do encantamento expresso por professoras da educação infantil do Distrito Federal
Autor(es): Silva, Vanessa Dias da
Orientador(es): Coelho, Cristina Massot Madeira
Assunto: Aprendizagem
Educação de crianças
Professores - prática profissional
Data de apresentação: 8-Jul-2015
Data de publicação: 13-Fev-2016
Referência: SILVA, Vanessa Dias da. A dinâmica simbólico-emocional do encantamento expresso por professoras da educação infantil do Distrito Federal. 2015. 65 f., il. Monografia (Licenciatura em Pedagogia)—Universidade de Brasília, Brasília, 2015.
Resumo: O presente trabalho apresenta-se como resultado de experiências e aprendizagens construídas ao longo do curso de graduação em Pedagogia do período de 2010 a 2015. Seu objetivo é compreender a dinâmica simbólico-emocional do encantamento expresso por duas professoras atuantes na Educação Infantil da Secretaria de Educação do Distrito Federal. A pesquisa foi realizada durante o primeiro semestre do ano de 2015 com duas professoras matriculadas no Curso de Especialização em Docência na Educação Infantil-ESDEI, da Faculdade de Educação da Universidade de Brasília (UnB), em parceria com o Ministério da Educação (MEC) e com a Secretaria de Educação do Distrito Federal (SEDF). A opção metodológica do presente trabalho está respaldado na Epistemologia Qualitativa proposta por Gonzalez Rey (2005) que através do caráter construtivo-interpretativo, concebe o conhecimento como algo que é dado não apenas por constatações empíricas, mas sim, em construções interpretativas construídas durante a pesquisa. Essa opção epistemológica e metodológica legitima o singular como instância de produção do conhecimento científico e concebe a pesquisa como um processo dialógico onde há uma ênfase na relação pesquisador e pesquisado considerando-se a comunicação uma via privilegiada nessa relação. Esse trabalho é uma continuidade de uma Pesquisa do Programa de Iniciação Científica – PROIC realizada pela autora no período de 2013 a 2014 no qual foram utilizados dois instrumentos: uma redação e um completamento de frases que nesse trabalho ajudam no conjunto de informações das participantes. Para o presente trabalho realizou-se uma roda de conversa com as participantes na qual ambas construíram um texto e uma plástica a fim de uma melhor expressão. Os dados construídos ao longo da pesquisa permitiram compreender que a dinâmica simbólico-emocional das participantes configura-se em sentidos e sentidos subjetivos a partir das experiências vividas por elas e que se relacionam as diferentes configurações subjetivas organizadas pelo sentido em que o encantamento expresso tem nos diferentes contextos pessoais e profissionais dessas professoras.
Abstract: This work is the result of the author’s experiences and learning built up over the undergraduate Pedagogy course between 2010 and 2015. Its goal is to understand the symbolic and emotional dynamics of enchantment expressed by two teachers working in Children’s Education at State Development of Education of the Federal District, in Brazil. The research was conducted during the first semester of 2015 with two teachers that were involved in the Specialization Course in Children’s Education - ESDEI, at the Faculty of Education, at University of Brasilia (UNB), in association with the Education Ministry (MEC) and the Federal District Education Department (SEDF). The methodological option of this work is supported on Qualitative Epistemology proposed by Gonzalez Rey (2005). This epistemology understands that constructive-interpretative character is given not only by empirical findings, but also in an interpretative construction build during the period of the research. This epistemological and methodological option legitimizes the singular and scientific knowledge production instance, and sees the research as a dialogical process which emphasizes the relationship between the researcher and the researched, considering communication as a privileged way to build information. This work is the next step of a research made by the author in the Scientific Initiation Program – PROIC, between 2013 and 2014. For the last one, two instruments were used: an essay and a sentence completion, which helps to set participants information on the present study. For the present work, the instruments used were: round of conversation with the participants, an individual text and a plastic construction made by the participants for a better subjective expression. The data built during the research allowed to understand that the symbolic and emotional dynamics of participants shows up in meanings and subjective senses according to the experiences lived by them, and those were related to the different subjective configurations organized by the meaning the word enchantment can have according to the personal or professional environment of those teachers.
Informações adicionais: Monografia (graduação)—Universidade de Brasília, Faculdade de Educação, 2015.
Aparece na Coleção:Pedagogia



Este item está licenciado na Licença Creative Commons Creative Commons