Utilize este link para identificar ou citar este item: http://bdm.unb.br/handle/10483/11749
Arquivos neste item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2015_JoelmaGouveiadeQueirozPorto.pdf1,6 MBAdobe PDFver/abrir
Título: Competências : um estudo sob a ótica de alunos iniciantes e formandos de um curso de administração
Autor(es): Porto, Joelma Gouveia de Queiroz
Orientador(es): Odelius, Catarina Cecília
Assunto: Estudantes universitários
Administração - ensino superior
Data de apresentação: 2015
Data de publicação: 28-Jan-2016
Referência: PORTO, Joelma Gouveia de Queiroz. Competências: um estudo sob a ótica de alunos iniciantes e formandos de um curso de administração. 2015. 75 f., il. Monografia (Bacharelado em Administração)—Universidade de Brasília, Brasília, 2015.
Resumo: As universidades exercem uma importante função na sociedade como disseminadoras do saber e agente ativo pelo preparo de profissionais qualificados para o mercado de trabalho. Partindo desse princípio, este estudo teve como objetivo analisar a percepção de acadêmicos iniciantes e formandos de um curso de Administração quanto o domínio e a importância de competências necessárias à atuação profissional como administrador, e ainda, junto aos formandos, verificar a contribuição do curso para o desenvolvimento das competências pesquisadas. O instrumento utilizado para coleta de dados teve como base o modelo proposto por Godoy et al (2009) apoiado nas Diretrizes Curriculares Nacionais (DCN). Os dados foram analisados de forma quantitativa, por meio de técnicas estatísticas descritivas e multivariadas, abrangendo um total de 307 alunos do curso de bacharelado em Administração de uma universidade federal. A análise fatorial foi realizada para validação das escalas de importância e contribuição, as quais apresentaram cada uma delas, uma estrutura unifatorial. Dentre os principais resultados, constatou-se que os alunos iniciantes e formandos, possuem um maior domínio das competências sociais e um menor domínio das competências técnico-profissionais. Ao levar em consideração a percepção dos formandos, os resultados indicam que o curso vem contribuindo para o desenvolvimento de competências básicas, porém, recomenda-se que sejam feitos estudos no intuito de verificar como esta e outras competências são abordadas nas disciplinas, bem como verificar a relação dessas e de outras competências ao que está prescrito no projeto pedagógico do curso.
Informações adicionais: Monografia (graduação)—Universidade de Brasília, Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade, Departamento de Administração, 2015.
Aparece na Coleção:Administração



Este item está licenciado na Licença Creative Commons Creative Commons