Utilize este link para identificar ou citar este item: http://bdm.unb.br/handle/10483/1008
Título: Avaliação da aceitação de dietas infantis modificadas em hospital público : estudo de caso
Autor(es): Guerra, Pollyanna Machado de Sá
Orientador(es): Botelho, Raquel Braz Assunção
Assunto: Dieta hospitalar
Alimentos - avaliação sensorial
Crianças - nutrição
Data de apresentação: 3-Ago-2009
Data de publicação: 12-Jul-2010
Referência: GUERRA, Pollyanna Machado de Sá. Avaliação da aceitação de dietas infantis modificadas em hospital público: estudo de caso. 2009. 40 f. Monografia (Especialização em Gastronomia e Segurança Alimentar)-Universidade de Brasília, Brasília, 2009.
Resumo: Estudos indicam alta incidência de desnutrição intra-hospitalar e em virtude disso, a atenção de alguns pesquisadores voltou-se para este aspecto em busca de uma solução para o problema. Vários fatores foram destacados como interferentes no consumo alimentar de pacientes hospitalizados, sendo a apresentação da refeição um fator relevante para a melhoria da aceitação das dietas e redução dos restos de alimentos. O objetivo do presente estudo foi analisar o grau de aceitação de dietas hospitalares para público infantil a partir da melhora da apresentação das preparações. Realizou-se análise dos dados de almoço referentes aos restos alimentares de três dias consecutivos, antes (24 a 26 de março de 2009 e após (31 de março a 02 de abril de 2009) a alteração da apresentação das dietas, e à avaliação da aceitação das refeições por meio da aplicação de questionário com escala hedônica para os pacientes. Os dados foram coletados na clínica pediátrica de um hospital público do Distrito Federal. Os resultados indicaram um aumento médio de 6% no percentual de aceitação das dietas e redução média total no de rejeição após a alteração da apresentação das dietas. Na análise dos restos alimentares foi observada uma redução média de 11,61% (comida), 4,93% (salada) e 19,35% (sobremesa). Verificou-se que a melhoria da apresentação da refeição pode influenciar positivamente na aceitação das dietas e reduzir o percentual de resto alimentar, mas não deve constituir-se em um ato isolado. Ações integradas são interessantes e contribuirão para um bom prognóstico e maior satisfação do cliente.
Informações adicionais: Monografia (especialização)—Universidade de Brasília, Centro de Excelência em Turismo, 2009.
Aparece na Coleção:Gastronomia e Segurança Alimentar

Arquivos neste item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2009_PollyannaMachadoSáGuerra.pdf438.24 kBAdobe PDFver/abrir


Todos os itens na BDM estão protegidos por copyright. Todos os direitos reservados.