Utilize este link para identificar ou citar este item: https://bdm.unb.br/handle/10483/8789
Arquivos neste item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2014_LeticiaCristinaOliveiraDias.pdf1,68 MBAdobe PDFver/abrir
Título: Perfil de usuários submetidos à amputação relacionada ao diabetes mellitus no Distrito Federal no período de 2002 a 2010
Autor(es): Dias, Leticia Cristina Oliveira
Orientador(es): Cruz, Mariana Sodario
Assunto: Amputação
Diabéticos
Distrito Federal (DF) - diabéticos
Diabetes
Data de apresentação: 8-Jul-2014
Data de publicação: 24-Out-2014
Referência: DIAS, Leticia Cristina Oliveira. Perfil de usuários submetidos à amputação relacionada ao diabetes mellitus no Distrito Federal no período de 2002 a 2010. 2014. 60 f., il. Monografia (Bacharelado em Saúde Coletiva)—Universidade de Brasília, Brasília, 2014.
Resumo: As doenças crônicas são uma das principais causas de morte no mundo. Nesse contexto, destaca-se o Diabetes Melittus (DM) como uma doença associada a complicações micro e macrovasculares de elevada morbimortalidade. A amputação de membros inferiores destaca-se como condição associada a DM, que traz consequências psicológicas e financeiras importantes aos acometidos. Com base nessas considerações, o objetivo do presente trabalho foi analisar as publicações governamentais oficiais sobre a DM desde a implantação do Sistema Único de Saúde, suas abordagens sobre a temática de amputação de membros inferiores e também caracterizar o perfil de usuários que foram submetidos a amputação de membros inferiores relacionada ao DM no Distrito Federal no período de 2002 a 2010. Para tanto fez-se um estudo descritivo, com abordagem quantitativa e qualitativa, de caráter transversal. Compuseram a amostra do presente do trabalho todos os sujeitos cadastrados no Sistema de Informação HIPERDIA do DATASUS, no período de julho de 2002 a agosto de 2011, que sofreram amputação relacionada à DM no Distrito Federal. Para a análise das publicações oficiais, realizou-se análise documental, partindo do núcleo temático pré-estabelecido “amputação” e analisando o contexto da unidade palavra. Foram analisados 16 documentos e observou-se que a amputação não se destaca nos textos governamentais acerca do DM. Os dados de sujeitos analisados foram divididos em três grupos: Diabetes Tipo 1, Diabetes Tipo 2 e Diabetes associada à Hipertensão. A proporção de amputação foi de 0,6% 1,4% e 2,6%, respectivamente, em cada grupo Nos três grupos, houve percentual maior de sujeitos que sofreram amputação do sexo masculino. A proporção de amputações dentre os cadastrados foi maior naqueles maiores de 60 anos, exceto para o grupo dois. O tabagismo foi mencionado em 28% dos cadastros de diabéticos tipo 2 e em 34% dos cadastros de portadores de diabetes associada a hipertensão. Observou-se sobrepeso em 42% dos portadores de diabetes tipo 2 que sofreram amputações. A prevalência de amputação foi maior entre sujeitos com pé diabético nos grupos de Diabetes Tipo 2 e Diabetes associada à Hipertensão, bem como entre sujeitos com histórico de AVC. Considerando que diversos fatores associados à amputação são preveníveis, o olhar atento do governo a essas questões torna-se essencial para a diminuição das amputações em portadores de DM. Fortalecer métodos de prevenção do pé diabético, sedentarismo, alterações cardiovasculares e sobrepeso tornam-se cruciais para se cumprir tal objetivo, e nesse contexto indica-se o fortalecimento da atenção básica como contribuinte decisiva nesse desafio. _________________________________________________________________________ ABSTRACT
The cronic diseases are one of the main causes of death in the world. In this context, we can see the Diabetes mellitus (DM) as a disease associated to micro-and macrovascular complications with high mortality. The lower limb amputation stands out as a complication associated with DM, that brings important psychological and financial consequences for those who have it. Based on these considerations, the aim of this study was to analyze the official government publications about the DM since the implementation of the brasilian Unified Health System, their approaches about the subject of lower limb amputation and also characterize the profile of users who went through a lower limb amputation related to DM in the Distrito Federal during the period 2002-2010. To achieve this purpose, it was made a descriptive study with a quantitative and qualitative approach, with cross-sectional nature. The sample of this present study was all the people who suffered amputation related to DM that was registered in the Information System HIPERDIA, from July 2002 to August 2011, in Distrito Federal – Brasil. For the analysis of official publications, a documentary analysis was performed, starting from the pre-established thematic cluster "amputation" and analyzing the context of each appear. It was analyzed 16 documents, and observed that the amputation do not stands out in the texts about DM. The datas of the people that was analized, was splitted in three groups: DM type 1, DM type 2 and DM associated to Hipertension. The proportion of lower limb amputation was 0.6%, 1,4% and 2.6% respectvaly, in each group. In the three groups, the higher percentual of people who suffered lower limb amputation was male.The smoking was mentioned in 28% of the registers of diabetics type 2 ann in 34% of the registers of the people who has DM associated to Hipertension. There was overweight in 42% of patients with diabetes type 2 who suffered amputation. The prevalence of amputation was higher in people with diabetic foot on the groups DM type 2, DM associated to hipertension and people with history of previous AVC. Since many factors associated with amputation are preventable, the look of the government to these issues is essential to reduce lower limb amputations in people with DM. Fortify methods of prevention of diabetic foot, sedentary lifestyle, cardiovascular disorders and overweight are crucial to achieve this objective. In this contexto this study indicates the strengthening of primary health care as a crucial contributor in this challenge.
Informações adicionais: Monografia (graduação)—Universidade de Brasília, Faculdade de Ceilândia, 2014.
Aparece na Coleção:Saúde Coletiva



Este item está licenciado na Licença Creative Commons Creative Commons