Utilize este link para identificar ou citar este item: https://bdm.unb.br/handle/10483/8735
Arquivos neste item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2014_JulianeLuizGraciano.pdf487,47 kBAdobe PDFver/abrir
Título: Injeção Intracitoplasmática de espermatozoides (ICSI)
Outros títulos: Intracytoplasmic sperm injection (ICSI)
Autor(es): Graciano, Juliane Luiz
Orientador(es): Pivato, Ivo
Coorientador(es): Dode, Margot Alves Nunes
Assunto: Ativação oocitaria
Injeção intracitoplasmática de espermatozoides (ICSI)
Reprodução animal assistida
Células espermáticas
Espermatozóides - animais
Data de apresentação: 1-Jul-2014
Data de publicação: 23-Out-2014
Referência: GRACIANO, Juliane Luiz. Injeção Intracitoplasmática de espermatozoides (ICSI). 2014. 60 f. Monografia (Bacharelado em Medicina Veterinária)—Universidade de Brasília, Brasília, 2014.
Resumo: A injeção intracitoplasmática de espermatozoides (ICSI) é uma técnica de reprodução assistida que compreende uma alternativa à fertilização in vitro (FIV) convencional. Consiste na injeção de um único espermatozoide no interior do citoplasma do oócito com o auxílio de micromanipuladores. A ICSI pode ser utilizada para a obtenção de embriões em casos de problemas de infertilidade relacionados aos espermatozoides como: disponibilidade de espermatozoides em número limitado, espermatozoides imóveis ou com má morfologia. Desta forma a ICSI pode ser empregada desde animais com alto valor genético com alterações reprodutivas, na preservação de espécies em extinção, produção de animais transgênicos e de animais com sexo determinado até na reprodução assistida em humanos. Entretanto, a ativação dos oócitos bovinos após a microinjeção não ocorre adequadamente como em humanos e outros mamíferos. A aplicação de diferentes maneiras de preparo de oócitos, tratamentos de espermatozoides, ativação de oócitos e procedimentos de microinjeção no desenvolvimento embrionário são desenvolvidas com o objetivo de melhorar as taxas de fertilização. Com o uso de piezo-micromanipuladores taxas mais altas de fertilização em comparação à ICSI convencional foram conseguidas por garantir uma correta microinjeção de células espermáticas.
Abstract: The intracytoplasmic sperm injection (ICSI) is an assisted reproductive technique used as an alternative to conventional in vitro fertilization (IVF). This technique consists of injecting only sperm inside the oocyte cytoplasm using micromanipulators. The ICSI may be used for obtaining embryos in cases of infertility problems related to sperm, such as: sperm availability in a limited number, sperm that is unable to move or that has poor morphology. Therefore, the ICSI can be used in animals with high genetic value and reproductive alterations, in the preservation of almost extinct species, production of transgenic animals and animals with determined sex, and even in the assisted reproduction of humans. However, the activation of bovine oocytes after microinjection does not occur properly as in humans and other mammals.The different ways of preparations of these oocytes, the activation of oocytes and microinjection procedures in embryonic development are developed aiming to increase the fertilization rate. With the use of piezo-micromanipulators, higher fertilization rates were achieved in comparison to conventional ICSI due to the fact that a proper microinjection of sperm cells was guaranteed.
Informações adicionais: Monografia (graduação)—Universidade de Brasília, Faculdade de Agronomia e Medicina Veterinária, 2014.
Aparece na Coleção:Medicina Veterinária



Este item está licenciado na Licença Creative Commons Creative Commons