Utilize este link para identificar ou citar este item: https://bdm.unb.br/handle/10483/8271
Arquivos neste item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2014_AnaCarolinaFonsecaTeixeiraMagalhaes.pdf704 kBAdobe PDFver/abrir
Título: Avaliação de uma cartilha educativa para as mães sobre os cuidados com o bebê prematuro em casa
Outros títulos: Evaluation of an educational booklet for mothers about the home care premature baby
Autor(es): Magalhães, Ana Carolina Fonseca Teixeira
Orientador(es): Ribeiro, Laiane Medeiros
Assunto: Prematuros
Recém-nascidos - cuidado e tratamento
Enfermagem pediátrica
Humanização dos serviços de saúde
Data de apresentação: 16-Jun-2014
Data de publicação: 2-Set-2014
Referência: MAGALHÃES, Ana Carolina Fonseca Teixeira. Avaliação de uma cartilha educativa para as mães sobre os cuidados com o bebê prematuro em casa. 2014. 40 f. Monografia (Bacharelado em Enfermagem)—Universidade de Brasília, Ceilândia-DF, 2014.
Resumo: INTRODUÇÃO: O foco principal da enfermagem é o cuidado ao ser humano, que consiste na essência da profissão e se dá no contexto de suas experiências. A educação em saúde tem ganhado cada vez mais espaço no cenário assistencial, pois visa inserir o paciente como participante do cuidado prestado, dando-lhe empoderamento na tomada de decisões. OBJETIVO: Avaliar a cartilha educativa na percepção das mães dos prematuros após a alta hospitalar da Unidade de Terapia Intensiva Neonatal (UTINEO). METODOLOGIA: Trata-se de um estudo descritivo com abordagem quantitativa que foi realizado com15 mães de acordo com o período de novembro a fevereiro de 2014 as mães as quais bebês fossem prematuros e tiveram alta hospitalar. As mães encontravam-se no alojamento do método canguru. Foram utilizados métodos estatísticos, com distribuição das frequências absolutas e relativas das variáveis do instrumento para a análise dos dados. RESULTADOS: A internação do prematuro na UTINEO é uma situação de crise para toda a família, principalmente para a mãe. A humanização do atendimento a essa população tem estimulado os profissionais de saúde a repensarem suas práticas, buscando a transformação da realidade no dia-a-dia do cuidado. O Método Mãe-Canguru tem sido utilizado em diversos países, adaptando-se para cada um, adequando-se às próprias condições culturais e às necessidades locais. As mães entrevistadas concordam ou concordam fortemente que o material didático utilizado auxilia no cuidado do prematuro após sua alta hospitalar da unidade neonatal. CONSIDERAÇÕES FINAIS: Na realização do estudo percebe-se que a prematuridade no Brasil tem aumentado com o decorrer dos anos. Com isso, existe a necessidade de se ter uma assistência adequada para que haja a sobrevivência desses bebês. O folheto educativo “Cuidados com bebê prematuro- orientações para a família” foi formulado para auxiliar esses cuidadores a respeito de dúvidas que podem surgir no dia a dia e que não foram sanadas durante a alta hospitalar. ______________________________________________________________________________ ABSTRACT
INTRODUCTION: The essence of the Nursing and in the context of the experiences is the care for the human being. Health education has gained more space in the healthcare setting, because it aims to enter the patient as a participant of the care service, giving them empowerment in their decision-making. Objective: It is to evaluate the educational primer on perception of mothers of premature infants after discharge for Neonatal Intensive Care Unit (UTINEO). Methodology: this is a descriptive study with quantitative approach that was conducted with 15 mothers according to the period from November 2013 to February 2014 mothers which babies were premature and were discharged from hospital. Mothers were in the accommodation of the Kangaroo method. Statistical methods were used, with distribution of absolute and relative frequencies of the variables of the instrument for the analysis of the data. RESULTS: the hospitalization of premature in UTINEO is a crisis situation for the whole family, especially to babies' mother. The humanization of care to this population has spurred healthcare professionals to rethink their practices, seeking the transformation of reality in day-to-day care. The Kangaroo Mother Method has been used in several countries, adapting to each, adapting to their cultural conditions and local needs. Mothers interviewed agree or agree strongly that the didactic material used helps in premature care after their discharge from the neonatal unit. FINAL CONSIDERATIONS: the paper realizes that the prematurity in Brazil has increased over the years. With this, there is the need to have an appropriate assistance for the survival of these babies. The educational brochure "premature baby care-guidelines for the family" has been formulated to assist these caregivers regarding questions that arise on a daily basis and have not been remedied during the hospital discharge.
Informações adicionais: Monografia (graduação)—Universidade de Brasília, Faculdade de Ceilândia, Curso de Enfermagem, 2014.
Aparece na Coleção:Enfermagem



Este item está licenciado na Licença Creative Commons Creative Commons