Utilize este link para identificar ou citar este item: https://bdm.unb.br/handle/10483/8241
Arquivos neste item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2014_MarciaAparecidaCarneiroSantana.pdf96,15 kBAdobe PDFver/abrir
Título: Variação linguística : crenças e diferenças entre teoria e prática dos professores
Autor(es): Santana, Márcia Aparecida Carneiro
Orientador(es): Rodrigues, Ulisdete Rodrigues de Sousa
Assunto: Professores - prática profissional
Língua portuguesa - estudo e ensino
Língua portuguesa - variação
Professores - atitudes
Data de apresentação: Jul-2014
Data de publicação: 28-Ago-2014
Referência: SANTANA, Márcia Aparecida Carneiro. Variação linguística: crenças e diferenças entre teoria e prática dos professores. 2014. 7 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Licenciatura em Letras Português)—Universidade de Brasília, Brasília, 2014.
Resumo: O presente ensaio pretende levantar e discutir dados bibliográficos referentes às crenças de professores de Língua Portuguesa. Pretende-se comprovar ou refutar a hipótese de que os professores dessa disciplina, recém-formados, saem da faculdade com sonhos e esperanças de transformação para o ensino da língua, mas com a prática docente seguem as regras da escola. Apesar de terem tido contato com as teorias variacionistas na faculdade, mesmo sabendo que a língua varia e que possui variedades, em sala de aula dão importância (quase) exclusiva ao ensino da norma padrão da língua, relegando a segundo (ou a nenhum) plano as variedades menos prestigiadas.
Informações adicionais: Trabalho de Conclusão de Curso (graduação)—Universidade de Brasília, Instituto de Letras, Departamento de Linguística, Português e Línguas Clássicas, 2014.
Aparece na Coleção:Letras - Português



Este item está licenciado na Licença Creative Commons Creative Commons