Utilize este link para identificar ou citar este item: https://bdm.unb.br/handle/10483/5925
Arquivos neste item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2013_GessicaBorgesPereira.pdf1,1 MBAdobe PDFver/abrir
Título: Percepção dos enfermeiros sobre a sistematização da assistência de enfermagem na neonatologia e pediatria
Outros títulos: Perception of nurses on the systematization of nursing care in neonatology and pediatrics
Autor(es): Vieira, Géssica Borges
Orientador(es): Ponce de Leon, Casandra Genoveva Rosales Martins
Coorientador(es): Ribeiro, Laiane Medeiros
Assunto: Enfermagem - prática
Enfermagem pediátrica
Data de apresentação: 9-Jul-2013
Data de publicação: 29-Ago-2013
Referência: VIEIRA, Géssica Borges. Percepção dos enfermeiros sobre a sistematização da assistência de enfermagem na neonatologia e pediatria. 2013. 47 f., il. Monografia (Bacharelado em Enfermagem)—Universidade de Brasília, Ceilândia, 2013.
Resumo: INTRODUÇÃO: Uma das ferramentas utilizadas pelo enfermeiro para implantação e operacionalização do cuidar é a Sistematização da Assistência de Enfermagem (SAE). A realização da SAE é essencial para uma assistência de enfermagem segura e de qualidade baseada no conhecimento científico. OBJETIVO: Identificar a percepção dos enfermeiros sobre a SAE na Neonatologia e Pediatria. METODOLOGIA: Pesquisa qualitativa, realizada de julho de 2012 a junho de 2013 com 16 enfermeiros da Clínica Médica Pediátrica e da Unidade de Terapia Intensiva Neonatal de um Hospital Público da Secretaria de Estado de Saúde do Distrito Federal. Os dados foram obtidos por meio de uma entrevista semi-estruturada, a técnica para coleta de dados foi à história oral temática e a análise das informações foi realizada por meio da análise temática. Todos os participantes assinaram o Termo de Consentimento Livre e Esclarecido e a pesquisa foi aprovada pelo Comitê de Ética em Pesquisa sob o número de parecer 311/2012. RESULTADOS: Constatou-se que as enfermeiras pesquisadas demonstraram possuir um conhecimento quanto ao conceito de SAE, embora tenham afirmado que nem todas as fases do Processo de Enfermagem encontram-se implementadas em suas unidades, sendo que, as dificuldades para a realização desta assistência concentram-se na escassez de tempo e recursos humanos, no déficit de conhecimento sobre a SAE e o uso do computador, e à falta de obrigatoriedade no serviço. CONSIDERAÇÕES FINAIS: As informações obtidas neste estudo contribuem para direcionar as práticas de capacitação destas profissionais afim de que ocorra a implementação da SAE nas unidades pesquisadas. _______________________________________________________________________________ ABSTRACT
INTRODUCTION: One of the tools used by nurses for deployment and operation of care is the Nursing Care System (NCS). The realization of NCS is essential for safe nursing care and quality based on scientific knowledge. OBJECTIVE: To identify the perception of nurses about the NCS in Neonatology and Pediatrics. METHODS: A qualitative study was conducted from July 2012 to June 2013 with 16 nurses from the Medical Clinic of Pediatric and Neonatal Intensive Care Unit of a Public Hospital of the State Secretariat of Health of the Federal District. Data were collected through a semi-structured interview, the technique for data collection was the oral history and information analysis was performed using thematic analysis. All participants signed an informed consent and the study was approved by the Research Ethics Committee opinion on the number 311/2012. RESULTS: It was found that the nurses surveyed have demonstrated knowledge about the concept of NCS, although they have stated that not all phases of the nursing process are implemented in their units, and the difficulties in achieving this focus assistance on the scarcity of time and manpower, the lack of knowledge about the NCS and computer use, and the lack of mandatory service. CONCLUSION: The information obtained in this study contribute to direct practical training of these professionals in order that occur in the implementation of the NCS units surveyed.
Informações adicionais: Monografia (graduação)—Universidade de Brasília, Faculdade de Ceilândia, Curso de Enfermagem, 2013.
Aparece na Coleção:Enfermagem



Este item está licenciado na Licença Creative Commons Creative Commons