Utilize este link para identificar ou citar este item: https://bdm.unb.br/handle/10483/4432
Arquivos neste item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2012_SamaraLopesNascimento.pdf1,39 MBAdobe PDFver/abrir
Título: O impacto das campanhas de DST/AIDS no comportamento sexual dos adolescentes
Autor(es): Nascimento, Samara Lopes do
Orientador(es): Jabur, Pedro de Andrade Calil
Assunto: Adolescentes - comportamento sexual
Doenças sexualmente transmissíveis
AIDS (Doença) - prevenção
Data de apresentação: Set-2012
Data de publicação: 1-Fev-2013
Referência: NASCIMENTO, Samara Lopes do. O impacto das campanhas de DST/AIDS no comportamento sexual dos adolescentes. 2012. 59 f. Monografia (Bacharelado em Saúde Coletiva)—Universidade de Brasília, Brasília, 2012.
Resumo: Este trabalho apresenta como tema O Impacto das Campanhas de DST/AIDS no Comportamento Sexual dos Adolescentes. É importante tratar desse tema devido ao aumento do número de DST/AIDS entre os adolescentes e os jovens, O objetivo desta pesquisa é verificar o impacto que as campanhas de DST/AIDS causam no comportamento e atitudes relacionadas com a prevenção e sexualidade dos adolescentes e as possíveis diferenças desse impacto entre os gêneros. Para tanto, faremos um aporte sobre a adolescência e a sexualidade; a história da AIDS no mundo e no Brasil; o histórico das Campanhas de AIDS no Brasil e a comunicação em saúde. O trabalho final de curso em questão apresenta como metodologia a aplicação de questionários compostos por 26 questões, relacionadas com temas sobre: sexualidade, prevenção e formas de transmissão de DST/AIDS, os quais serão aplicados a 60 adolescentes, sendo 30 homens e 30 mulheres. Apesar de terem o conhecimento sobre as formas de prevenção das DST/AIDS, a maioria dos adolescentes ainda não adotam essas práticas. Sabe-se que somente informações e todo conhecimento adquirido sobre formas de transmissão e prevenção não são muitas vezes suficientes para a mudança e adoção de comportamentos preventivos entre os adolescentes. É importante que haja a conscientização dos adolescentes sobre a prevenção, não basta apenas conhecer os métodos preventivos, é necessário também saber sua importância, os meios de acesso a eles, a maneira correta de sua utilização e as possíveis consequências do seu não uso. Para os adolescentes alguns dos aspectos que poderiam ser modificados e acrescentados nas campanhas para que estas sejam mais efetivas seriam a forma como elas são apresentadas com uma linguagem mais descontraída e de fácil entendimento, na forma de diálogo entre os jovens, com o conteúdo mais explicativo e que conte também depoimentos reais com exemplos de pessoas que vivem com a doença. ______________________________________________________________________________ ABSTRACT
This paper presents the theme The Impact of Campaigns STD / AIDS on Sexual Behavior of Adolescents. It is important to address this issue because of the increasing number of HIV / AIDS among adolescents and young people, the goal of this research is to investigate the impact that campaigns on STD / AIDS cause in behavior and attitudes related to the prevention and adolescent sexuality and the possible impact of differences between genders. To do so, we will make a contribution about adolescence and sexuality; history AIDS worldwide and in Brazil; history of AIDS campaigns in Brazil and health communication. The final course work in question shows how the methodology questionnaires consisting of 26 questions on topics related to sexuality, ways of transmission and prevention of STD / AIDS, which will be applied to 60 adolescents, 30 men and 30 women. Despite having knowledge about ways to prevent STD / AIDS, most teenagers have not adopted these practices. It is only known that all information and knowledge gained about transmission and prevention are often not sufficient to change and adoption of preventive behaviors among adolescents. It is important that there is awareness among teens about prevention, it is enough to know the preventive methods, you must also know its importance, the means of access to them, the proper way to use and the possible consequences of non-use. For teenagers some aspects that could be modified and added to these campaigns are more effective, would be the way they are presented with a language more relaxed and easier to understand, in the form of dialogue between young people, with more explanatory content and also tell real testimonials with examples of people living with the disease.
Informações adicionais: Monografia (graduação)—Universidade de Brasília, Faculdade de Ceilândia, 2012.
Aparece na Coleção:Saúde Coletiva



Este item está licenciado na Licença Creative Commons Creative Commons