Utilize este link para identificar ou citar este item: https://bdm.unb.br/handle/10483/31157
Arquivos neste item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2021_StelleDeRocioDeSouza_tcc.pdf1,27 MBAdobe PDFver/abrir
Título: Consórcio do Nordeste : políticas públicas de combate ao Covid-19 e o papel dos entes no pacto federativo
Autor(es): Souza, Stelle de Rocio de
Orientador(es): Fernandez, Michelle Vieira Oliveira
Assunto: Covid-19
Consórcios públicos
Federalismo
Pandemia
Data de apresentação: Nov-2021
Data de publicação: 23-Jun-2022
Referência: SOUZA, Stelle de Rocio de. Consórcio do Nordeste: políticas públicas de combate ao Covid-19 e o papel dos entes no pacto federativo. 2021. 43 f., il. Trabalho de Conclusão de Curso (Bacharelado em Ciência Política) — Universidade de Brasília, Brasília, 2021.
Resumo: A pandemia de COVID-19 transformou a sociedade de todo o mundo, exigindo ações fortes de combate e controle da curva de contágio, do tratamento dos doentes e na continuidade do cuidado de pacientes com doenças crônicas advindas do vírus SARS-CoV-2. O principal ator de tais ações é o governo de um país, que deve zelar por sua população e trabalhar em torno de tais demandas. Em um país como o Brasil, assegurado por um sistema federalista, relações verticais entre governos são necessárias para adentrar as camadas regionais e prover um cuidado em saúde coordenado e eficiente. O presente estudo irá elaborar uma análise a respeito da realidade ocorrida no país, principalmente em torno do relacionamento Governo Federal-Nordeste, região com o maior número de governadores oriundos da oposição ao governo Bolsonaro, e que decidiu associar-se em torno de uma figura jurídica conhecida como "consórcio público", que ao mesmo tempo em que compartilhava críticas para com o presidente, tentava trabalhar com as ferramentas que existiam a seu alcance para frear o desenvolvimento da pandemia na localidade. Assim, este trabalho fará uma investigação teórica (capítulo 2) sobre o federalismo, as suas relações, oportunidades e limites entrelaçando-os com as oportunidades relativas à existência de consórcios públicos no país, em seguida, com maior destaque, será estudado a experiência recente adquirida no Consórcio do Nordeste (capítulo 4). Ao fim, o objetivo é entender as possibilidades de cooperação advindas do formato e identificar as escolhas feitas pelo grupo durante a pandemia de 2021.
Abstract: The COVID-19 pandemic has transformed society around the world, demanding strong actions to fight and control the contagion curve, the treatment of patients and the continuity of care for patients with chronic diseases caused by the SARS-CoV-2 virus. The main actor in such actions is the government of a country, which must look after its population and work around such demands. In a country like Brazil, guaranteed by a federalist system, vertical relationships between governments are necessary to penetrate the regional layers and provide coordinated and efficient health care. The present study wille laborate ananalys is of the reality that occurred in the country, mainly around the Federal Government-Northeast relationship, a region with the largest number of governors from the opposition to the Bolsonaro government, and who decided to associate themselves around a figure known as the "public consortium", which at the same time shared criticisms with the president, tried to work with the tools at its disposal to stop the development of the pandemic in the locality. Thus, this research will carry out a theoretical investigatio on federalism, its relations, opportunities and limits, in tert wining them with the opportunities related to the existence of public consortia in the country, with great eremphasis on the recent experience acquired in the "Consório do Nordeste". With this, the objective is to understand the possibilities of cooperation arising from the format and to identify the choices made by the group during the 2021 pandemic.
Informações adicionais: Trabalho de Conclusão de Curso (graduação) — Universidade de Brasília, Instituto de Ciência Política (IPOL), 2021.
Licença: A concessão da licença deste item refere-se ao termo de autorização impresso assinado pelo autor que autoriza a Biblioteca Digital da Produção Intelectual Discente da Universidade de Brasília (BDM) a disponibilizar o trabalho de conclusão de curso por meio do sítio bdm.unb.br, com as seguintes condições: disponível sob Licença Creative Commons 4.0 International, que permite copiar, distribuir e transmitir o trabalho, desde que seja citado o autor e licenciante. Não permite o uso para fins comerciais nem a adaptação desta.
Aparece na Coleção:Ciência Política - Graduação



Todos os itens na BDM estão protegidos por copyright. Todos os direitos reservados.