Utilize este link para identificar ou citar este item: https://bdm.unb.br/handle/10483/27769
Arquivos neste item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2021_RodrigoDeSouzaBarbosa_tcc.pdf404,71 kBAdobe PDFver/abrir
Título: Vivências de um residente sanitarista no programa multiprofissional em atenção básica
Autor(es): Barbosa, Rodrigo de Souza
Orientador(es): Pinheiro, Rafael Mota
Assunto: Saúde coletiva
Residência multiprofissional
Atenção primária à saúde
Relato de experiência
Data de apresentação: 2021
Data de publicação: 18-Jun-2021
Referência: BARBOSA, Rodrigo de Souza. Vivências de um residente sanitarista no programa multiprofissional em atenção básica. 2021. 26 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Especialização em Atenção Básica)—Universidade de Brasília, Brasília, 2021.
Resumo: Introdução: As residências multiprofissionais na área da saúde se configuram como uma estratégia de qualificar os recursos humanos para a saúde, elas foram criadas a partir da Lei nº 11.129 em 2005, possuem uma característica de integração ensino-serviço, com isso no desenvolvimento do residente ao vivenciar os problemas nos cenários, aproxima da aprendizagem significativa. Objetivo: Relatar as vivências como residente da Saúde Coletiva observando as fragilidades e potências dos cenários de práticas da Residência Multiprofissional em Atenção Básica. Metodologia: Trata-se de um relato de experiência, elaborado a partir da ótica de um residente bacharel em Saúde Coletiva no biênio 2019-2020. Resultados: Os cenário de prática embora tenham apresentado espaços potentes, algumas limitações foram sentidas e observadas, as demandas administrativas acabaram por configurar uma excessiva demanda, impactando diretamente o desenvolvimento do processo formativo. Considerações Finais: Apesar das limitações encontradas a residência proporcionou a interprofissionalidade, o desenvolvimento das atividade de maneira multiprofissional e oportunizou reforçar a Saúde Coletiva como um profissional de e para a saúde pública.
Abstract: Introduction: Multiprofessional residences in the health area are configured as a strategy to qualify human resources for health, they were elevated from Law No. 11,129 in 2005, they have a teaching-service integration characteristic, with this in the development of the resident when experiencing the problems in the scenarios, it approximates learning approximately. Objective: report how experiences as a collective health resident observing the weaknesses and strengths of the practice scenarios of the Multiprofessional Residence in Primary Care. Methodology: This is an experience report, elaborated from the perspective of a resident bachelor in Public Health in the biennium 2019-2020. Results: The practice scenarios, although presenting powerful spaces, some limitations were felt and observed, as administrative demands ended up configuring an excessive demand, directly impacting the development of the training process. Final Considerations: Despite the limitations found, the residency provided interprofessionality, the public development of the activity in a multiprofessional way and made it possible to reinforce Public Health as a health professional.
Informações adicionais: Trabalho de Conclusão de Curso (especialização)—Universidade de Brasília, Faculdade de Ciências da Saúde, Programa de Residência Multiprofissional HUB/UnB, Curso de Especialização em Atenção Básica – Saúde Coletiva, 2021.
Licença: A concessão da licença deste item refere-se ao termo de autorização impresso assinado pelo autor que autoriza a Biblioteca Digital da Produção Intelectual Discente da Universidade de Brasília (BDM) a disponibilizar o trabalho de conclusão de curso por meio do sítio bdm.unb.br, com as seguintes condições: disponível sob Licença Creative Commons 4.0 International, que permite copiar, distribuir e transmitir o trabalho, desde que seja citado o autor e licenciante. Não permite o uso para fins comerciais nem a adaptação desta.
Aparece na Coleção:Atenção Básica - Saúde Coletiva



Todos os itens na BDM estão protegidos por copyright. Todos os direitos reservados.