Utilize este link para identificar ou citar este item: https://bdm.unb.br/handle/10483/24851
Arquivos neste item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2019_JeffersonGabrielAlmeidaDuarte_tcc.pdf409,81 kBAdobe PDFver/abrir
Título: O babado precisa acontecer : educação sexual como fator protetivo para LGBTQi+
Autor(es): Duarte, Jefferson Gabriel Almeida
Orientador(es): Oliveira, Flávia Mazitelli de
Assunto: Educação sexual
Escolas
Diversidade sexual
LGBTI+
Data de apresentação: 5-Dez-2019
Data de publicação: 27-Jul-2020
Referência: DUARTE, Jefferson Gabriel Almeida. O babado precisa acontecer: educação sexual como fator protetivo para LGBTQi+. 2019. 27 f., il. Trabalho de Conclusão de Curso (Bacharelado em Terapia Ocupacional)—Universidade de Brasília, Brasília, 2019.
Resumo: O presente estudo discute de maneira embasada nas teorias de Butler com os corpos rebeldes e abjetos á sociedade, bem como Foucault e as relações de poder e disciplinarização dos corpos que ainda estão relacionados á entraves para a inserção da Educação Sexual (ES) como medida protetiva pra LGBTQi+ (Lésbicas, Gays, Bissexuais, Transexuais, Travestis,) contexto escolar, visto que, compreende-se a escola como um potencial trans(formador) de sujeito, justifica-se criticamente também a estrutura social brasileira. Entende-se a falta de afinidade dos professores para com o tema e a necessidade de profissionais de saúde atuando de maneira colaborativa. Todos os 29 estudos analisados, identificaram a ES como medida protetiva, mas deixam claro a falta de preparo e legitimidade da temática, fazendo com que se questione os direitos a livre expressões de identidade de gênero e sexual, inferindo um enfraquecimento no estado democrático de direitos, bem como marginalização desses sujeitos.
Abstract: The present study discusses Butler's theories with rebel and abject bodies in society, as well as Foucault and the power relations and disciplinarization of bodies that are still related to barriers to the insertion of Sexual Education (ES) as a protective measure. for LGBTQi + (Lesbian, Gay, Bisexual, Transsexual, Transsexuals) school context, since school is understood as a potential trans (formative) subject, the Brazilian cisnormative social structure is also critically justified. It is understood the lack of affinity of teachers with the theme and the need for health professionals acting collaboratively. All 29 studies analyzed identified the SS as a protective measure, but make clear the lack of preparation and legitimacy of the theme, making it question the rights to free expressions of gender and sexual identity, inferring a weakening in the democratic state of rights. As well as marginalization of these subjects
Informações adicionais: Trabalho de Conclusão de Curso (graduação)—Universidade de Brasília, Faculdade de Ceilândia, 2019.
Licença: A concessão da licença deste item refere-se ao termo de autorização impresso assinado pelo autor que autoriza a Biblioteca Digital da Produção Intelectual Discente da Universidade de Brasília (BDM) a disponibilizar o trabalho de conclusão de curso por meio do sítio bdm.unb.br, com as seguintes condições: disponível sob Licença Creative Commons 4.0 International, que permite copiar, distribuir e transmitir o trabalho, desde que seja citado o autor e licenciante. Não permite o uso para fins comerciais nem a adaptação desta.
Aparece na Coleção:Terapia Ocupacional



Todos os itens na BDM estão protegidos por copyright. Todos os direitos reservados.