Utilize este link para identificar ou citar este item: https://bdm.unb.br/handle/10483/23983
Arquivos neste item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2018_PedroHenriqueRodriguesPeixoto_tcc.pdf4,6 MBAdobe PDFver/abrir
Título: Analise do polimorfismo no gene IL10 em pacientes portadores de câncer de tireóide
Autor(es): Peixoto, Pedro Henrique Rodrigues
Orientador(es): Oliveira, Jamila Reis de
Coorientador(es): Silva, Izabel Cristina Rodrigues da
Assunto: Tireóide - câncer
Polimorfismo (Genética)
Radioisótopos
Câncer - tratamento
Data de apresentação: 4-Dez-2018
Data de publicação: 15-Mai-2020
Referência: PEIXOTO, Pedro Henrique Rodrigues. Analise do polimorfismo no gene IL10 em pacientes portadores de câncer de tireóide. 2018. 69 f., il. Trabalho de Conclusão de Curso (Bacharelado em Farmácia)—Universidade de Brasília, Brasília, 2018.
Resumo: O câncer de tireóide é a neoplasia endócrina mais frequente em humanos. Esse tipo de câncer é mais comum em crianças e adolescentes, e sua incidência aumenta com a idade em adultos. Alterações genéticas têm papel decisivo no aparecimento de várias neoplasias humanas dentre elas os polimorfismos são modificações frequentes em mais de 1% da população. A interleucina 10 (IL-10) é uma citocina de vasta ação com fortes propriedades imunossupressoras e é incisiva na regulação da resposta imune, principalmente por meio da inibição de mediadores anti-inflamatórios. A região promotora do gene IL10 é polimórfica e se localiza no 1q31-32, tem três polimorfismos de nucleotídeo único, amplamente descritos na literatura; -1082 (G/A), -819 (C/T), e -592 (C/A). Dentre os polimorfismos o -1082(G/A) foi associado com carcinoma papilar de tireoide, porém os outros polimorfismos foram descritos para outros tipos de câncer. Sendo assim, o objetivo deste estudo foi identificar a distribuição do polimorfismo na região promotora do gene IL10 -819 (T/C), em participantes portadores de carcinoma da tireoide, submetidos a iodo terapia em uma amostra brasileira. Trata-se de um estudo descritivo do grupo caso, no qual foram obtidas amostras de sangue de 30 indivíduos de ambos os sexos, idade maior que 18 anos. A genotipagem foi realizada por meio da estratégia PCR-RFLP. Os estudos de associação foram executados considerando-se um nível de significância de 5%. O projeto encontra-se aprovado pelo comitê de ética humana. Resultados: A frequência genotípica observada foi: alelo ancestral homozigoto T/T 5 (16,7%), heterozigoto C/T 14 (46,7%), já a prevalência homozigoto C/C mutante 11 (36,7%). Essas frequências podem variar dependendo da população e da patologia, como descrito por (C.Y Bai et al. 2016), estudou uma população chinesa acometida por carcinoma cervical, associando com o mesmo polimorfismo estudado, nesse estudo as frequências foram: heterozigoto C/T 76 (46,06%) igual ao percentualmente do nosso estudo, porém os genótipos ancestral T/T 44 (26,67%), e o homozigoto mutante C/C 45 (27,27%), divergem do presente estudo. Conclusão: Na amostra estudada o heterozigoto C/T é o mais prevalente, seguindo em conformidade com o estudo comparado, porém ainda fazem-se necessários estudos posteriores para o aumento do tamanho da amostra.
Abstract: Thyroid cancer is the most common human endocrine neoplasia. This type of cancer is more common in children and adolescents and its incidence increases by age in adults. Genetic alterations play a decisive role in the appearance of several human neoplasms among which polymorphisms are frequent changes in more than 1% of the population. Interleukin 10 (IL-10) is a broad-spectrum cytokine with strong immunosuppressive properties and it is incisive in the regulation of the immune response, mainly through the inhibition of anti-inflammatory mediators. The promoter region of the IL10 gene is polymorphic and it is found at 1q31-32. There are three single nucleotide polymorphisms, widely described in the literature: -1082 (G / A), -819 (C / T), and -592 (C / A). Among the polymorphisms, -1082 (G / A) was already associated with papillary thyroid carcinoma, but the other polymorphisms were described for other types of cancer. Therefore, the objective of this study was to identify the distribution of the polymorphism in the IL10-819 (T / C) gene in the promoter region in participants with thyroid carcinoma undergoing iodine therapy in a Brazilian sample. This is a descriptive study of the case group, in which blood samples of 30 individuals of both genders, older than 18 years old, were obtained. Genotyping was performed using the PCR-RFLP strategy. The association studies were performed considering a level of significance of 5%. The project is approved by the human ethics committee. Results: The genotypic frequency observed was: ancestral allele homozygote T / T 5 (16.7%), heterozygote C / T 14 (46.7%), and homozygous C / C mutant prevalence 11 (36.7%). These frequencies may vary depending on the population and pathology, as described by (CY Bai et al., 2016), studied a Chinese population affected by cervical carcinoma, associated with the same polymorphism studied, in this study the frequencies were: heterozygote C / T 76 (46.06%) and the mutated homozygote C / C 45 (27.27%) differed from the present study. Conclusion: In the studied sample, the C / T heterozygote is the most prevalent, according to the comparative study, but further studies are necessary to increase the sample size.
Informações adicionais: Trabalho de Conclusão de Curso (graduação)—Universidade de Brasília, Faculdade de Ceilândia, 2018.
Licença: A concessão da licença deste item refere-se ao termo de autorização impresso assinado pelo autor que autoriza a Biblioteca Digital da Produção Intelectual Discente da Universidade de Brasília (BDM) a disponibilizar o trabalho de conclusão de curso por meio do sítio bdm.unb.br, com as seguintes condições: disponível sob Licença Creative Commons 4.0 International, que permite copiar, distribuir e transmitir o trabalho, desde que seja citado o autor e licenciante. Não permite o uso para fins comerciais nem a adaptação desta.
Aparece na Coleção:Farmácia



Todos os itens na BDM estão protegidos por copyright. Todos os direitos reservados.