Utilize este link para identificar ou citar este item: https://bdm.unb.br/handle/10483/23176
Arquivos neste item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2019_AmandaBarrosJacinthoRibeiro_tcc.pdf448,7 kBAdobe PDFver/abrir
Título: A morte de Marielle Franco : uma análise do discurso midiático sobre o caso
Autor(es): Ribeiro, Amanda Barros Jacintho
Orientador(es): Ferraz, Janaína de Aquino
Assunto: Análise do Discurso Crítica (ADC)
Racismo
Fake news
Notícias falsas
Epistemicídio
Data de apresentação: 2019
Data de publicação: 18-Fev-2020
Referência: RIBEIRO, Amanda Barros Jacintho. A morte de Marielle Franco: uma análise do discurso midiático sobre o caso. 2019. 27 f., il. Trabalho de Conclusão de Curso (Licenciatura em Letras Português)—Universidade de Brasília, Brasília, 2019.
Resumo: Este artigo visa analisar o posicionamento da desembargadora Marília Castro Neves e do deputado Fraga sobre o caso de morte da vereadora Marielle Franco. Objetiva-se, então, identificar a construção de Marielle Franco a partir da escolha lexical feita nesses discursos, logo a ferramenta de análise é o sistema sociossemântico de Representação de Atores Sociais propostas por Van Leeuween (2008) associada aos modos de operação da ideologia propostos por Thompson (2002). O corpus de análise será a postagem no facebook pessoal da desembargadora Marilia Castro Neves publicado no dia 15 de março, publicação feita na mesma data em que a vereadora Marielle Franco (PSOL-RJ) morreu, e a postagem no twitter do deputado Alberto Fraga (DEM-DF), dia 17 de março. Como arcabouço-teórico metodológico utilizado, além da Análise de Discurso Crítica com ênfase na Representação de Atores proposta por Van Leeuven (2008), também, para refletir o espaço social, a tese da doutora Sueli Carneiro (2005) sobre a construção social do corpo negro no imaginário coletivo brasileiro e o epistemicídio como resultado da manutenção do dispositivo de biopoder proposto por Foucault (1979). A finalidade é entender, através de uma perspectiva interdisciplinar, como Marielle Franco está representada nesses discursos difundidos pelas autoridades citadas e quais os efeitos que esses discursos podem ter para a representação da população periférica negra brasileira.
Informações adicionais: Trabalho de Conclusão de Curso (graduação)—Universidade de Brasília, Instituto de Letras, Departamento de Linguística, Línguas Clássicas e Português, 2019.
Aparece na Coleção:Letras - Português



Este item está licenciado na Licença Creative Commons Creative Commons