Utilize este link para identificar ou citar este item: https://bdm.unb.br/handle/10483/2200
Arquivos neste item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2011_GlauciaFernandaRodriguesdaCunha.pdf812,55 kBAdobe PDFver/abrir
Título: Atividades aquáticas e inclusão na educação infantil : benefícios neuropsicomotores para crianças com paralisia cerebral espástica
Autor(es): Cunha, Glaucia Fernanda Rodrigues da
Orientador(es): Raposo, Mírian Barbosa Tavares
Assunto: Paralisia cerebral nas crianças
Exercícios aquáticos
Educação inclusiva
Capacidade motora nas crianças
Crianças deficientes - educação física
Data de apresentação: 16-Abr-2011
Data de publicação: 8-Dez-2011
Referência: CUNHA, Glaucia Fernanda Rodrigues da. Atividades aquáticas e inclusão na educação infantil: benefícios neuropsicomotores para crianças com paralisia cerebral espástica. 2011. 89 f. Monografia (Especialização em Desenvolvimento Humano, Educação e Inclusão Escolar)—Universidade de Brasília, Universidade Aberta do Brasil, Brasília, 2011.
Resumo: O presente trabalho pretendeu investigar sobre os benefícios da Atividade Física em Meio Aquático para o desenvolvimento neuropsicomotor de crianças com paralisia cerebral espástica com vista à sua inclusão na educação infantil. Além de explanar sobre a Paralisia Cerebral, enfatizando a Paralisia Cerebral Espástica, desenvolvimento neuropsicomotor normal de crianças, o papel do educador físico e as propriedades físicas da água, aspectos importantes para se elaborar um planejamento adequado, uma abordagem sucinta sobre educação infantil e inclusão escolar, o estudo possui também uma entrevista com uma educadora física do Programa de Educação Precoce, buscando assim, uma melhor compreensão e visualização na prática, destes benefícios. Através da análise dos resultados da entrevista e da revisão bibliográfica podemos perceber que a atividade física em meio aquático pode contribuir para o desenvolvimento neuropsicomotor da criança com paralisia cerebral espástica e assim viabilizando sua inclusão na educação infantil. _________________________________________________________________________________ ABSTRACT
This study sought to investigate the benefits of Physical Activity in Aquatic Environment for the neurodevelopment of children with spastic cerebral palsy to ensure their inclusion in education infantilism. In addition to explaining about Cerebral Palsy, Spastic Cerebral Palsy emphasizing, normal psychomotor development of children, the role of physical educator and the physical properties of water, important aspects to prepare a proper planning, a brief approach to early childhood education and school enrollment The study also has an interview with a physical educator's Early Education Program, seeking thereby a better understanding and visualization in practice these benefits. Through analysis of interview results and literature review we can see that physical activity in the aquatic environment may contribute to the neurodevelopment of the child spastic cerebral palsy and thus enabling its inclusion in early childhood education.
Informações adicionais: Monografia (especialização)—Universidade de Brasília, Instituto de Psicologia, Departamento de Psicologia Escolar e do Desenvolvimento, Programa de Pós-Graduação em Processos de Desenvolvimento Humano e Saúde, 2011. Curso de Especialização a Distância em Desenvolvimento Humano, Educação e Inclusão Escolar.
Aparece na Coleção:Desenvolvimento Humano, Educação e Inclusão Escolar



Este item está licenciado na Licença Creative Commons Creative Commons