Utilize este link para identificar ou citar este item: https://bdm.unb.br/handle/10483/21008
Arquivos neste item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2018_IsadoraAndradeCarvalho_tcc.pdf364,31 kBAdobe PDFver/abrir
Título: “Corpo de mulher, perigo de morte” : uma análise da representação da violência contra a mulher nas obras de Conceição Evaristo e de Sérgio Sant’Anna
Autor(es): Carvalho, Isadora Andrade
Orientador(es): Pires, Maria Isabel Edom
Assunto: Violência contra as mulheres
Mulheres na literatura
Data de apresentação: 2018
Data de publicação: 13-Nov-2018
Referência: CARVALHO, Isadora Andrade. “Corpo de mulher, perigo de morte”: uma análise da representação da violência contra a mulher nas obras de Conceição Evaristo e de Sérgio Sant’Anna. 2018. 36 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Bacharelado em Letras Português)—Universidade de Brasília, Brasília, 2018.
Resumo: O presente trabalho discute a representação da violência contra a mulher, especificamente estupro e feminicídio, nos contos “O monstro” e “Romeu e Julieta”, de Sérgio Sant’Anna, e “Aramides Florença”, “Shirley Paixão” e “Isaltina Campo Belo”, de Conceição Evaristo. As análises das obras apontam para a forte presença da violência no Brasil e a para a naturalização dela dentro da sociedade. A partir disso, essa monografia busca contemplar o feminicídio e os mais diversos tipos de estupros, cometidos por familiares, por desconhecidos, por vários algozes ao mesmo tempo, de forma a relacionar literatura e violência e compreender a necessidade de debater o tema.
Abstract: The present work talks over the representation of violence against women, specifically rape and feminicide, in the short stories "O Monstro" and "Romeu e Julieta", by Sérgio Sant'Anna, and "Aramides Florença", "Shirley Paixão" and "Isaltina Campo Belo "by Conceição Evaristo. Reviews of the writings point to the strong presence of violence in Brazil and to its naturalization within society. From this point of view, the monograph seeks to contemplate feminicide and the most diverse kinds of rapes, committed by relatives, by strangers, by multiple abusers at the same time, in order to relate literature and violence, to understand the need to debate the issue.
Informações adicionais: Trabalho de Conclusão de Curso (graduação)—Universidade de Brasília, Instituto de Letras, Departamento de Teoria Literária e Literaturas, 2018.
Aparece na Coleção:Letras - Português



Este item está licenciado na Licença Creative Commons Creative Commons