Utilize este link para identificar ou citar este item: https://bdm.unb.br/handle/10483/1665
Arquivos neste item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2011_FabiolaArrudaPernambuco.pdf1,78 MBAdobe PDFver/abrir
Título: O relacionamento entre reação e impacto no trabalho em ações de treinamento
Autor(es): Pernambuco, Fabíola Arruda
Orientador(es): Dias, Osório Carvalho
Assunto: Aprendizagem organizacional
Treinamento profissional
Serviço público - administração de pessoal
Tribunal de Contas da União (TCU)
Data de apresentação: 3-Fev-2011
Data de publicação: 3-Mai-2011
Referência: PERNAMBUCO, Fabíola Arruda. O relacionamento entre reação e impacto no trabalho em ações de treinamento. 2011. 104 f. Monografia (Bacharelado em Administração)-Universidade de Brasília, Brasília, 2011.
Resumo: Com o aumento da competitividade, as organizações têm investido em ações de Treinamento, Desenvolvimento e Educação – TD&E visando garantir a sustentabilidade organizacional. Apesar dessas ações serem vistas como imprescindíveis no processo de mudança e aquisição de conhecimentos, habilidades e atitudes tão necessários para a melhoria do desempenho das pessoas no ambiente de trabalho, os efeitos dessas ações para a organização ainda são discutíveis. Os resultados conflitantes quanto às relações entre os níveis de avaliação aumentam a demanda por avaliação de treinamento. Com o objetivo de identificar e descrever a relação entre reação e impacto do treinamento no trabalho, dois dos cinco níveis de avaliação de treinamento, foi realizado um estudo de caso com treinamentos do Tribunal de Contas da União (TCU). Optou-se por uma abordagem qualitativa, utilizando a pesquisa documental como principal fonte de dados e o Qualitative Comparative Analysis como método de análise. Essas escolhas destacam a particularidade do trabalho, pois diferem das que são comumente utilizadas nesta área. Foram abordados dois treinamentos do TCU realizados no período de 2010 que contaram com a avaliação de reação e impacto. Os resultados indicam a existência do relacionamento entre esses níveis de avaliação, principalmente com os itens referentes a resultados, aplicabilidade e expectativa de suporte, e destacam também a importância dos fatores de suporte à transferência. São apresentadas as implicações destes resultados, sugestões e limitações do estudo.
Informações adicionais: Monografia (graduação)—Universidade de Brasília, Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade, Departamento de Administração, 2011.
Aparece na Coleção:Administração



Este item está licenciado na Licença Creative Commons Creative Commons