Utilize este link para identificar ou citar este item: https://bdm.unb.br/handle/10483/16573
Arquivos neste item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2015_LauraLilliaMendesRodrigues.pdf271,57 kBAdobe PDFver/abrir
Título: Aspectos relacionados à sexualidade do homem com lesão medular
Outros títulos: Aspects related to sexuality of men with spinal cord injury
Autor(es): Rodrigues, Laura Lillia Mendes
Orientador(es): Alves, Ana Cristina de Jesus
Assunto: Sexualidade
Deficientes físicos
Medula espinhal - ferimentos e lesões - qualidade de vida
Data de apresentação: 2015
Data de publicação: 10-Abr-2017
Referência: RODRIGUES, Laura Lillia Mendes. Aspectos relacionados à sexualidade do homem com lesão medular. 2015. [21] f., il. Trabalho de conclusão de curso (Bacharelado em Terapia Ocupacional)—Universidade de Brasília, Brasília, 2015.
Resumo: Objetivo: Buscar, junto aos homens com lesão medular, informações que eles julgassem importantes para disponibilizar aos indivíduos com a mesma problemática e, a partir disso, criar um manual de orientações sexuais para homens com lesão medular. Metodologia: Foi realizada uma entrevista semi-estruturada com três homens que tinham lesão medular completa que abordou perguntas referentes à atividade sexual pós lesão destes indivíduos como: quais as técnicas, métodos e posturas utilizadas por eles, o que favorece o ato sexual, dificuldades e quais as informações eles acreditam ser necessárias a pessoas que se encontram na mesma situação. A entrevista passou por uma análise de conteúdo para chegar aos resultados. Resultados: A pesquisa mostrou que para atingir o prazer sexual o homem precisa primeiramente estar bem consigo mesmo, se conhecer, para depois conseguir dar algum prazer para sua parceira, pois sem esse autoconhecimento ele não saberá conduzir a relação, além da troca de informações, uso de medicamentos, cuidados com a pele, esvaziar a bexiga e a busca por novas posturas sexuais com a parceira. Conclusão: Os homens com lesão medular podem ter uma vida sexual ativa e saudável, desde que busquem o autoconhecimento e a troca de informações.
Abstract: Objective: To find, with men with spinal cord injury information they judge important to provide individuals with the same problem and, from that, create a manual of sexual orientation for men with spinal cord injury. Methodology: Semi-structured interviews with three men who had complete spinal cord injury that addressed questions regarding sexual activity after injury these individuals as was done: what techniques, methods and attitudes used by them, which favors the sexual act, difficulties and what information they believe to be necessary for people who are in the same situation. The interview underwent a content analysis to get the results. Results: Research has shown that to achieve sexual pleasure a man must first be good about yourself, know yourself, and then be able to give some pleasure to your partner, for without this self drive it will not know the relationship, beyond the exchange of information, medication use, skin care and empty the bladder and the search for new sexual positions with your partner. Conclusion: Men with spinal cord injuries can have an active and healthy sex life from seeking self-knowledge and the exchange of information.
Informações adicionais: Trabalho de conclusão de curso (graduação)—Universidade de Brasília, Faculdade de Ceilândia, Curso de Graduação em Terapia Ocupacional, 2015.
Aparece na Coleção:Terapia Ocupacional



Este item está licenciado na Licença Creative Commons Creative Commons