Utilize este link para identificar ou citar este item: https://bdm.unb.br/handle/10483/15520
Arquivos neste item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2016_JessicaMarielRodriguesFerreira_tcc.pdf282,07 kBAdobe PDFver/abrir
Título: O uso de dispositivo de tecnologia assistiva : percepção de pessoas com deficiência física
Outros títulos: The use of assistive technology device : perception of people with disabilities
Autor(es): Ferreira, Jéssica Mariel Rodrigues
Orientador(es): Alves, Ana Cristina de Jesus
Assunto: Tecnologia assistiva
Deficientes
Data de apresentação: 2016
Data de publicação: 6-Jan-2017
Referência: FERREIRA, Jéssica Mariel Rodrigues. O uso de dispositivo de tecnologia assistiva: percepção de pessoas com deficiência física. 2016. 18 f. Trabalho de conclusão de curso (Bacharelado em Terapia Ocupacional)—Universidade de Brasília, Brasília, 2016.
Resumo: Introdução: Pessoas que apresentam algum tipo de deficiência encontram diversas barreiras para realizar atividades, tarefas e viverem bem no seu meio social, resultando muitas vezes na exclusão social. A área de tecnologia assistiva traz a proposta de auxiliar a funcionalidade, relacionada à atividade e participação de pessoas com deficiência a partir de produtos, recursos, metodologias, estratégias, práticas e serviços. Objetivo: investigar a percepção de indivíduos com deficiência física quanto ao uso da tecnologia assistiva quanto as contribuições e dificuldades trazida pelo uso do dispositivo. Método: Pesquisa qualitativa de caráter descritiva utilizando entrevista semiestruturada com três indivíduos adultos com deficiência física e que estivessem usando no momento atual de sua vida um dispositivo de tecnologia assistiva. A busca dos participantes foi feita em um Hospital Universitário da região do Centro Oeste. Os dados foram analisados a partir do método de Análise do Conteúdo de Bardin. Resultados: A partir das entrevistas realizadas, foram criados cinco eixos centrais: 1) Participação na escolha do dispositivo, 2) Orientação de funcionamento do dispositivo, 3) Manutenção do dispositivo de TA, 4) Benefícios trazidos pela TA 5) Realização de Atividades com a TA e 6) Sugestões de melhoria do dispositivo. Discussão: Pode-se observar que fatores favoráveis ao uso da TA como a participação na escolha do dispositivo e a percepção dos benefícios trazidos foram observados nesta pesquisa. Os fatores identificados como barreiras ao uso de TA foram as orientações insuficientes, falta de manutenção, dificuldade de uso no dia a dia e necessidade de mudanças nos dispositivos, relatos que estavam presentes nesta pesquisa, porém não foram preditores para o abandono nesta pesquisa. Assim, tem-se como hipótese que os dispositivos pesquisados, todos que auxiliam a mobilidade, se faz fundamental e necessário à população com deficiência física, sendo utilizados mesmo sem seu funcionamento ideal. Conclusão: Este estudo pôde alcançar os seus objetivos ao destacar a percepção dos indivíduos que utilizam a TA destacando os pontos favoráveis e limitantes. Vale ressaltar que, mesmo com uma amostra pequena, pontos relevantes puderam ser discutidos a luz da literatura da área
Abstract: Introduction: People who have some kind of disability are many barriers to carry out activities, tasks and live well in their social environment, often resulting in social exclusion. The assistive technology brings the proposal to assist the functionality related to the activity and participation of people with disabilities from products, resources, methodologies, strategies, practices and services. Objective: To investigate the perception of individuals with disabilities in the use of assistive technology and the contributions and difficulties brought by the device's use. Method: A qualitative study of descriptive character used semistructured interviews with three adults with physical disabilities and they were using at the moment of your life a assistive technology device. The search of the participants was done in a University Hospital of the West central region. Data were analyzed from the analysis method Bardin content. Results: From the interviews, were created five core areas: 1) Participation in the choice of the device, 2) device operating orientation, 3) TA device maintenance, 4) Benefits brought by TA 5) Activities of Achievement with TA and 6) device Suggestions for improvement. Discussion: It can be seen that favorable factors to the use of TA as participation in choosing the device, the perception of brought benefits were observed in this study. The factors are identified as barriers to use TA as insufficient guidance, lack of maintenance, difficult to use on a daily basis, the need for change were present in the reports but did not predict for abandoning this search. Thus, it has been hypothesized that the searched devices, all of which help mobility, it is essential and necessary for physically disabled people, being used even without their optimal functioning. Conclusion: This study was able to achieve its goals by highlighting the perception of individuals using the TA highlighting the favorable and limiting points. It is noteworthy that even with a small sample, relevant issues could be discussed in light of the area of literature.
Informações adicionais: Trabalho de conclusão de curso (graduação)—Universidade de Brasília, 2016.
Aparece na Coleção:Terapia Ocupacional



Este item está licenciado na Licença Creative Commons Creative Commons