Utilize este link para identificar ou citar este item: http://bdm.unb.br/handle/10483/9988
Arquivos neste item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2014_NatáliadosSantosBarbosa.pdf978,34 kBAdobe PDFver/abrir
Título: Implementação da Lei 11.769/08 na educação básica : limites e possibilidades de atuação de uma professora não especialista.
Autor(es): Barbosa, Natália dos Santos
Orientador(es): Silva, Helena Lopes da
Assunto: Brasil. Lei n. 11.769, de 18 de agosto de 2008
Professores não especialistas
Professores - prática profissional
Ensino fundamental - música
Professores de ensino fundamental
Música - instrução e estudo
Data de apresentação: 22-Nov-2014
Data de publicação: 19-Mar-2015
Referência: BARBOSA, Natália dos Santos. Implementação da Lei 11.769/08 na educação básica: limites e possibilidades de atuação de uma professora não especialista. 2014. 42 f. il. Monografia (Licenciatura em Música)—Universidade de Brasília, Universidade Aberta do Brasil, Anápolis-GO, 2014.
Resumo: O presente trabalho propõe uma investigação acerca dos limites e possibilidades de uma professora não especialista para atuar com o conteúdo música no Ensino Fundamental II em uma escola filantrópica situada em Porangatu, Goiás. Dentre as questões que impulsionaram esse estudo, estão: Quais os limites e as possibilidades de uma professora não especialista atuar com o conteúdo música no ensino fundamental II? Qual a formação pedagógica e musical desse professor? Como a professora lida com a especificidade do conteúdo musical em sala de aula? Os dados foram coletados através da realização de uma entrevista semiestruturada com o professor e da análise da apostila Artes/Música do Colégio Cenecista. Além da análise do texto da Lei 11.769/08 que formaliza a inclusão da música como um conteúdo obrigatório da educação básica (FIGUEIREDO, 2010; QUEIROZ, 2014), apoiamo-nos nos estudo de Bellochio e Spavanello (2005) sobre a formação de professores unidocentes para atuar com a música nos anos iniciais do Ensino Fundamental. Os dados analisados apontaram para a necessidade de se repensar a formação a ser dada aos professores não especialistas, bem como a necessidade de construção de materiais de apoio adequados para a atuação desses professores na escola. _________________________________________________________________________________ ABSTRACT
This paper proposes an investigation about the limits and possibilities of a non-specialist teacher to work with the music content in Elementary Education II in a philanthropic institution located in Porangatu, Goiás Among the questions that drove this study are: What are the limits and the possibilities of a teacher no expert work with the music content in elementary school II? What pedagogical education and music that teacher? As the teacher deals with the specificity of music content in the classroom? Data were collected by conducting a semi-structured interview with the teacher and the analysis of the handout Arts / Music of Cenecista College. In addition to the analysis of the text of Law 11,769 / 08 that formalizes the inclusion of music as a mandatory content of basic education (Figueiredo, 2010; Queiroz, 2014), we support you in study and Bellochio Spavanello (2005) on the training of teachers unidocentes to work with music in the early years of elementary school. The data analyzed pointed to the need to rethink the training to be given to non-specialist teachers as well as the need to build appropriate support materials for the performance of these teachers in the school.
Informações adicionais: Monografia (graduação)—Universidade de Brasília, Decanato de Ensino de Graduação, Universidade Aberta do Brasil, Instituto de Artes, Departamento de Música, Curso de Licenciatura em Música a Distância, 2014.
Aparece na Coleção:Música



Este item está licenciado na Licença Creative Commons Creative Commons