Utilize este link para identificar ou citar este item: http://bdm.unb.br/handle/10483/9905
Arquivos neste item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2015_GilbertoBarbosaLacerdaFilho.pdf1,29 MBAdobe PDFver/abrir
Título: Impactos da crise de 2008 no Brasil e contramedidas
Autor(es): Lacerda Filho, Gilberto Barbosa
Orientador(es): Câmara, Átila Rabelo Tavares da
Assunto: Crise econômica
Política monetária
Política tributária
Data de apresentação: 13-Fev-2015
Data de publicação: 11-Mar-2015
Referência: LACERDA FILHO, Gilberto Barbosa. Impactos da crise de 2008 no Brasil e contramedidas. 2015. 131 f., il. Monografia (Bacharelado em Administração Pública)—Universidade de Brasília, Universidade Aberta do Brasil, Brasília, 2015.
Resumo: Este estudo aborda a sistemática da Administração Pública Brasileira em enfrentar a crise econômica financeira mundial de 2008. Um histórico das principais crises econômicas da historia como Crise da Depressão de 1929, iniciada nos EUA. A guerra do Petróleo causada pelo Iraque, Crise da Internet que iniciou a crise que culminaria a grande crise de 2008. O estudo é do tipo exploratório utiliza parte da literatura sobre a crise com enfoque em Krugman. Os documentos levantados do BACEN foram os a base para investigar os registros sobre como o governo agiu para contornar a crise. Ao final têm-se as análises dos impactos e contramedidas adotadas pelo governo brasileiro baseados nos relatórios, atas e documentos emitidos pelo BACEN confrontando com a teoria. Conclui-se que as medidas surtiram efeito conseguindo contornar a crise de 2008.
Informações adicionais: Monografia (graduação)—Ministério da Educação, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, Diretoria de Educação a Distância, Universidade Aberta do Brasil, Programa Nacional de Formação em Administração Pública, Universidade de Brasília, 2015.
Aparece na Coleção:Administração Pública



Este item está licenciado na Licença Creative Commons Creative Commons