Utilize este link para identificar ou citar este item: http://bdm.unb.br/handle/10483/9242
Título: Adoção do uso do fogo na agricultura : uma análise das crenças dos assentados e produtores das regiões do DF e entorno
Autor(es): Rodrigues, Marcelayne Farias
Orientador(es): Duarte, Donária Coelho
Assunto: Agricultura
Fogo - agricultura
Agricultores
Data de apresentação: 2014
Data de publicação: 17-Dez-2014
Referência: RODRIGUES, Marcelayne Farias. Adoção do uso do fogo na agricultura: uma análise das crenças dos assentados e produtores das regiões do DF e entorno. 2014. 71 f., il. Trabalho de Conclusão de Curso (Bacharelado em Gestão do Agronegócio)—Universidade de Brasília, Brasília, 2014.
Resumo: O presente trabalho tem como foco analisar as crenças dos produtores e assentados da região do DF e entorno em relação à adoção do uso do fogo na agricultura. Para tanto, serão utilizados aportes teóricos a fim de compreender a aplicabilidade desta técnica, seus impactos e responsabilidades relacionados às crenças, culturas e tradição dos agricultores. Utilizou-se o método de pesquisa descritivo com abordagem qualitativa e realização de entrevista semiestruturada com 34 agricultores do DF e entorno. A análise de dados foi realizada por meio do software Alceste. Verificou-se que o discurso dos entrevistados apresentou cinco categorias/classes: I - Cuidados; II - Benefícios; III - Malefícios; IV - Referentes; V - Aspectos facilitadores. Observou-se que os agricultores utilizam esta tecnologia na agricultura mediante dois principais motivadores: os referentes e os aspectos facilitadores, sendo o item cuidados, o tema centralizador do dilema em relação à adoção deste recurso. Constatou-se que os entrevistados apresentam pouca receptividade às mudanças quanto à utilização de novas alternativas de produção, principalmente no que se refere a tecnologias sustentáveis. _______________________________________________________________________________ ABSTRACT
This work focuses on analyzing the beliefs of farmers and settlers of the region of DF regarding the adoption of the use of fire in agriculture. For both, theoretical contributions will be used to understand the applicability of this technique, its impacts and responsibilities related to beliefs, cultures and traditions of the farmers. The method used was the descriptive qualitative research and conducting semi-structured interviews with 34 farmers in the DF and surroundings. Data analysis was performed using the Alceste software. It was found that the interviews presented five categories / classes: I - Care; II - Benefits; III - Damage; IV - Relating; V - Facilitating factors. It was observed that farmers using this technology in agriculture for two main reasons: the referring and facilitating factors, and the care item, which is the centralizing theme of dilemma regarding adoption of this feature. It was found that respondents have little receptivity to change as the use of new production alternatives, particularly with those related to sustainable technologies.
Informações adicionais: Trabalho de Conclusão de Curso (Bacharelado em Gestão do Agronegócio)—Universidade de Brasília, 2014.
Aparece na Coleção:Gestão do Agronegócio

Arquivos neste item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2014_MarcelayneFariasRodrigues.pdf776,62 kBAdobe PDFver/abrir


Este item está licenciado na Licença Creative Commons Creative Commons