Utilize este link para identificar ou citar este item: http://bdm.unb.br/handle/10483/7942
Arquivos neste item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2014_RaizaSilvadeAndrade.pdf1,06 MBAdobe PDFver/abrir
Título: A formação do trompetista popular Daniel D’Alcantara : um estudo de entrevista narrativa
Autor(es): Andrade, Raíza Silva de
Orientador(es): Abreu, Delmary Vasconcelos de
Coorientador(es): Lopes, Maico Viegas
Assunto: Músicos - formação
Instrumentos de sopro de metal
Autobiografia
Data de apresentação: 1-Jul-2014
Data de publicação: 22-Jul-2014
Referência: ANDRADE, Raíza Silva de. A formação do trompetista popular Daniel D’Alcantara: um estudo de entrevista narrativa. 2014. 64 f., il. Monografia (Licenciatura em Música)—Universidade de Brasília, Brasília, 2014.
Resumo: Esse trabalho tem como tema a formação do trompetista popular. O objetivo da pesquisa consiste em investigar o percurso formativo de Daniel D’Alcantara, músico e professor de trompete da Escola de Música do Estado de São Paulo – EMESP, Escola Municipal de Música – EMM e Faculdade Souza Lima. Como objetivos específicos destacam-se a busca por conhecer aspectos de seu processo profissional, como músico e educador, e como se vê a partir de suas experiências formativas. A revisão de literatura foi fundamentada em conceitos que tratam do ensino de trompete (BAPTISTA, 2010); ensino da música popular (SANTIAGO, 2006); e experiência formativa na perspectiva de Josso (2004). A metodologia utilizada foi a abordagem (auto)biográfica, tendo como técnica de pesquisa a entrevista narrativa, que possibilitou ao entrevistado a construção de narrativas de si. Os resultados apontam que os conhecimentos adquiridos no decorrer de um processo formativo resultam, neste caso, de redes de formação, tais como: família, escola, amigos, universidades, entre outros. Nesse aspecto os indivíduos formam-se por intermédio das relações das pessoas com a música sob aspectos que envolvem um jeito próprio de se apropriar e/ou transmitir conhecimentos musicais quer seja ensinando, aprendendo ou tocando. ________________________________________________________________________________ ABSTRACT
The subject of this paper is the formation of a popular trumpeter. The objective of the research is to investigate the formative path of Daniel D'Alcantara, trumpet player and teacher at the Escola de Música do Estado de São Paulo – EMESP, Escola Municipal de Música – EMM e Faculdade Souza Lima. Specific objectives include the search for knowing aspects of his business process, as a musician and educator, and as seen from their formative experiences. The literature review was based on concepts that deal with trumpet teaching (BAPTISTA, 2010); popular music teaching (SANTIAGO, 2006); and formative experience from the perspective of Josso (2004). The methodology used was the approach (auto) biographical, and as a research technique the narrative interview, which enabled the construction of narratives interviewed him. The results show that the knowledge acquired in the course of a training process result in this case, training networks, such as family, school, friends, universities, among others. This way individuals are formed through the relationships of people with music in ways that involve their own way of appropriating and / or transmitting musical knowledge whether teaching, learning or playing.
Informações adicionais: Monografia (graduação)—Universidade de Brasília, Instituto de Artes, Departamento de Música, 2014.
Aparece na Coleção:Música



Este item está licenciado na Licença Creative Commons Creative Commons