Utilize este link para identificar ou citar este item: http://bdm.unb.br/handle/10483/7767
Arquivos neste item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2014_GreyciAraujodosSantos_MariadoSocorroCoelhodaSilva_banner.pdf331,55 kBAdobe PDFver/abrir
2014_GreyciAraujodosSantos_MariadoSocorroCoelhodaSilva.pdf659,45 kBAdobe PDFver/abrir
Registro completo
Campo Dublin CoreValorLíngua
dc.contributor.advisorZardo, Sinara Pollom-
dc.contributor.authorSantos, Greyci Araujo dos-
dc.contributor.authorSilva, Maria do Socorro Coelho da-
dc.identifier.citationSANTOS, Greyci Araujo dos; SILVA, Maria do Socorro Coelho da. A organização do projeto político pedagógico do CEF 01 da Candangolândia na perspectiva da inclusão escolar de estudantes com deficiência na EJA interventivo. 2014. 27 f., il. Trabalho de Conclusão de Curso (Especialização em Educação na Diversidade e Cidadania - EJA)—Universidade de Brasília, Universidade Aberta do Brasil, Brasília, 2014.en
dc.descriptionTrabalho de Conclusão de Curso (especialização)—Universidade de Brasília, Universidade Aberta do Brasil, Faculdade de Educação, II Curso de Especialização em Educação na Diversidade e Cidadania, com Ênfase em EJA, 2014.en
dc.description.abstractA Educação de Jovens e Adultos (EJA) é um desafio em nosso país, haja vista as dificuldades enfrentadas diariamente pelos trabalhadores, que com muito sacrifício e perseverança conseguem dar continuidade a seus estudos. Quando o público da EJA é formado por jovens com deficiência intelectual ou física, vemos esse desafio tornar-se ainda maior. São inúmeras as barreiras encontradas, tais como falta de estrutura das escolas, falta de preparo da comunidade escolar e de acessibilidade. Nos últimos anos pôde-se perceber que este público passou a ser visto com maior atenção. Várias ações que tiveram início na década de setenta do século passado, tiveram o intuito de dar oportunidades de crescimento intelectual para estes alunos. Devido a essas políticas públicas de inclusão, a chegada dos alunos com necessidades especiais às turmas de EJA torna-se cada dia mais frequente. Diante desta nova realidade, faz-se necessário aprofundar o estudo neste segmento. Nosso objeto de estudo foi promover a inserção no projeto político pedagógico do CEF 01 da Candangolândia de práticas pedagógicas diversificadas e momentos de socialização, a fim de apoiar e incentivar o processo de inclusão escolar dos estudantes com deficiência na EJA Interventivo. Observou-se durante o ano letivo de 2013, uma dificuldade de adaptação da comunidade escolar diante da inclusão desses alunos nas classes regulares. Observando a problemática existente, foram pensadas estratégias que fizessem com que esses alunos pudessem ser inseridos de forma efetiva na realidade da escola. O presente Projeto de Intervenção visa mostrar ações que façam com que esses alunos se tornem realmente parte de todo processo de ensino. Tomando por base os vários projetos existentes na escola, serão apresentadas estratégias auxiliares para o início de um processo que tornará a inclusão desses alunos nas classes regulares algo inerente à própria realidade escolar.en
dc.rightsAcesso Abertoen
dc.subject.keywordEducação de Jovens e Adultos (EJA)en
dc.subject.keywordInclusão escolaren
dc.subject.keywordEstudantes deficientesen
dc.titleA organização do projeto político pedagógico do CEF 01 da Candangolândia na perspectiva da inclusão escolar de estudantes com deficiência na EJA interventivoen
dc.typeTrabalho de Conclusão de Curso - Especializaçãoen
dc.date.accessioned2014-07-08T00:11:11Z-
dc.date.available2014-07-08T00:11:11Z-
dc.date.issued2014-07-08T00:11:11Z-
dc.date.submitted2014-04-05-
dc.identifier.urihttp://bdm.unb.br/handle/10483/7767-
dc.language.isoPortuguêsen
dc.rights.licenseItem depositado a partir de autorização concedida pelo autor à Faculdade de Educação.-
dc.description.abstract1Educating Youth and Adults (EJA) is a challenge in our country, given the difficulties faced daily by workers, who with great sacrifice and perseverance can continue their studies. When the audience is made up of AYE young people with intellectual or physical disabilities, we see this challenge becomes even greater. Are numerous barriers encountered, such as lack of infrastructure of schools, lack of preparation of the school community and accessibility. In recent years it could be seen that the public has come to be seen more closely. Several actions that began in the seventies of the last century, were designed to provide opportunities for intellectual growth for these students. Due to these policies of inclusion, the arrival of learners with special needs classes to EJA becomes more frequent day. Faced with this new reality, it is necessary to further study in this segment. Object of our study was to promote the integration into political pedagogical project of the EFC 01 Candangolândia of diverse pedagogical practices and moments of socialization in order to support and encourage the school inclusion of students with disabilities in EJA Interventive. It was observed during the school year of 2013, a difficulty of adapting the school community on the inclusion of these students in regular classes. Noting the existing problems were thought out strategies that do that these students could be inserted effectively into the reality of school. This Intervention Project aims to show actions that cause these students to actually become part of the whole teaching process. Based on the various existing projects in school, auxiliary strategies for the beginning of a process that will make the inclusion of these students in regular classes inherent in the very school reality will be presented.-
dc.themeEducação de Jovens e Adultos (EJA) : 2º Segmento : Educação especial-
Aparece na Coleção:Educação na Diversidade e Cidadania - EJA



Este item está licenciado na Licença Creative Commons Creative Commons