Utilize este link para identificar ou citar este item: http://bdm.unb.br/handle/10483/5905
Arquivos neste item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2013_RaissaCostaCarvalho.pdf758,94 kBAdobe PDFver/abrir
Título: Análise preliminar de complicadores na aprendizagem em Geociências : um olhar sobre os estudantes de Ciências Naturais da Universidade de Brasília
Autor(es): Carvalho, Raissa Costa
Orientador(es): Oliveira, Anete Maria de
Assunto: Geociências - estudo e ensino
Distúrbios da aprendizagem
Data de apresentação: 22-Jul-2013
Data de publicação: 26-Ago-2013
Referência: CARVALHO, Raissa Costa. Análise preliminar de complicadores na aprendizagem em Geociências: um olhar sobre os estudantes de Ciências Naturais da Universidade de Brasília. 2013. 37 f., il. Trabalho de Conclusão de Curso (Licenciatura em Ciências Naturais)—Universidade de Brasília, Planaltina-DF, 2013.
Resumo: A presente pesquisa apresenta uma análise preliminar de possíveis complicadores na aprendizagem de geociências, apontadas pela população de estudantes de Ciências Naturais da Universidade de Brasília que estão cursando as disciplinas de Geologia Geral e Ensino de Geociências, no turno diurno e noturno, no primeiro período de 2013. A hipótese da pesquisa parte da premissa que alguns complicadores estão em parte relacionados à falta ou ao pouco desenvolvimento de habilidades necessárias a um pensamento sistêmico inerente às geociências. Levantamentos qualitativos e semi-quantitativos foram realizados para as habilidades de (1) raciocínio lógico; (2) percepção espacial e, (3) atenção dispersiva e focada, por meio de questionário escrito com perguntas fechadas e abertas e avaliadas por procedimentos qualitativos e quantitativos. A pesquisa também considerou a opinião dos estudantes quanto às razões de suas próprias dificuldades e afinidades com as geociências. Os resultados mostram desenvolvimento das habilidades pesquisadas abaixo do esperado para uma melhor compreensão das geociências. Nas questões de visão espacial e raciocínio lógico, as turmas de Ensino de Geociências, que estão mais avançadas no curso obtiveram melhores resultados, enquanto no bloco de atenção dispersiva e focada não houve diferenças significativas entre turmas ou turnos. Problemas de interpretação de texto e uso da linguagem matemática ao responder o questionário ocorreram como complicadores extras na compreensão das geociências. E segundo a opinião dos estudantes, os principais complicadores em suas aprendizagens seriam o número insuficiente de créditos de tais disciplinas e falta de conhecimento prévio, além do que, as geociências não figuram como área de conhecimento preferida dos estudantes.
Informações adicionais: Trabalho de Conclusão de Curso (graduação)—Universidade de Brasília, Faculdade UnB Planaltina, Licenciatura em Ciências Naturais, 2013.
Aparece na Coleção:Ciências Naturais



Este item está licenciado na Licença Creative Commons Creative Commons