Utilize este link para identificar ou citar este item: http://bdm.unb.br/handle/10483/5752
Arquivos neste item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2010_AlfaSousa_AnaCl_2_.pdf1,16 MBAdobe PDFver/abrir
Título: O educando com déficit intelectual da Educação de Jovens e Adultos no contexto : mundo do trabalho
Autor(es): Sousa, Alfa Rodrigues Barbosa de
Lima, Ana Clara Urupá Moraes de
Santos, Carla Andréia Simão dos
Moura, Joelma de Oliveira
Souza, Marilda Santos de
Pereira, Maria Helena
Silva, Maria José Gonçalves Ferreira da
Orientador(es): Angelim, Maria Luiza Pereira
Coorientador(es): Linhares, Maria do Socorro da Silva
Tema: Educação de Jovens e Adultos (EJA) : Distrito Federal : PNEE
Assunto: Educação de Jovens e Adultos (EJA)
Estudantes com necessidades educativas especiais
Deficientes - emprego
Data de apresentação: Jul-2010
Data de publicação: 31-Jul-2013
Referência: SOUSA, Alfa Rodrigues Barbosa de et al. O educando com déficit intelectual da Educação de Jovens e Adultos no contexto: mundo do trabalho. 2010. 125 f., il. Trabalho de Conclusão de Curso (Especialização em Educação na Diversidade e Cidadania - EJA)—Universidade de Brasília, Universidade Aberta do Brasil, Brasília, 2010.
Resumo: Desde o início da história humanidade até a atualidade, a família, a escola e a sociedade vivenciam uma relação que se transforma em função das novidades do cotidiano. Nesse sentido, este trabalho refere-se ao processo de inclusão dos alunos da Educação de Jovens e Adultos (EJA) com Déficit Intelectual (DI) e as dificuldades encontradas ao longo desse processo de inserção no mundo do trabalho conforme assegura a legislação vigente. Durante muito tempo o portador de necessidades educacionais especiais foi discriminado, abandonado e esquecido. Entidades não governamentais, pais e algumas autoridades começaram a se reunir para proclamarem e reivindicarem direitos iguais para essas pessoas. Em 1994, na cidade da Salamanca na Espanha, aconteceu à Conferência Mundial sobre Necessidades Educativas Especiais. Foi representado por 92 governos e 25 organizações internacionais. Por meio desta declaração reafirmavam o compromisso com a Educação para Todos, reconhecendo a necessidade e a urgência do ensino ser ministrado, no sistema comum de educação, a todas as crianças, jovens e adultos com necessidades educativas especiais. Nesse ínterim, pode-se afirmar que este projeto vislumbra por uma educação que fortaleça a identidade da escola e tenha como objetivo a formação para a vida, tendo com base a cidadania, o respeito à diversidade e o apoio a inclusão. A escola representada pelos docentes, gestores e conselho escolar deve promover ações para construção de tais concepções no ambiente escolar. Assim, esse projeto primou por pesquisar os aspectos da realidade do Centro de Ensino Especial 02, envolvendo a EJA com Déficit Intelectual no contexto: mundo do trabalho. Para perceber a dinâmica in loco foi observado a prática pedagógica das docentes em Educação de Jovens e Adultos por meio de relatos de experiências, além da promoção de debate com docentes do Centro envolvidos nos atendimentos aos alunos da EJA com DI. O estudo realizado neste trabalho permitiu a ampliação e esclarecimento de conceitos e princípios que estão relacionados a inserção do educando no mundo do trabalho além de revelar o comportamento da sociedade em relação a pessoa com DI quando estes são inseridos no mercado de trabalho. Para a realização e desenvolvimento deste estudo foi utilizada a pesquisa bibliográfica com o uso de material já elaborado na área, constituído principalmente de leis, documentos da SEEDF, livros e artigos já publicados pelos diversos autores que tratam do tema, o que evidenciou os seguintes questionamentos: como a escola tem efetivado suas ações juntamente com as demais instituições para favorecer a integração do educando no mundo de trabalho? Por que o educando da EJA com déficit intelectual não é contemplado no mercado de trabalho? Como objetivo geral tende a evidenciar os caminhos para que os estudantes de EJA com deficiência intelectual (DI) possam ser inseridos no mundo do trabalho de forma representativa e efetiva. Objetivos específicos: identificar os espaços de apoio que promovam a inserção do estudante de EJA/DI no mundo do trabalho e buscar recursos no espaço escolar que possibilitem a inserção no mundo de trabalho para os estudantes da EJA/DI.
Informações adicionais: Trabalho de Conclusão de Curso (especialização)—Universidade Aberta do Brasil, Universidade de Brasília, Faculdade de Educação, Curso de Especialização em Educação na Diversidade e Cidadania, com Ênfase em EJA, 2010.
Licença: Item depositado a partir de autorização concedida pelo autor à Faculdade de Educação.
Aparece na Coleção:Educação na Diversidade e Cidadania - EJA



Todos os itens na BDM estão protegidos por copyright. Todos os direitos reservados.