Utilize este link para identificar ou citar este item: http://bdm.unb.br/handle/10483/2502
Arquivos neste item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2011_SuzaneMouraPessoa.pdf2,64 MBAdobe PDFver/abrir
Título: Acessibilidade informacional para o deficiente intelectual : desafios de uma biblioteca escolar pública
Autor(es): Pessoa, Suzane Moura
Orientador(es): Borges, Maria Alice Guimarães
Assunto: Acesso à informação
Deficientes mentais
Bibliotecas escolares
Sociedade da informação
Educação especial
Data de apresentação: Dez-2011
Data de publicação: 17-Jan-2012
Referência: PESSOA, Suzane Moura. Acessibilidade informacional para o deficiente intelectual: desafios de uma biblioteca escolar pública. 2011. 110 f., il. Monografia (Bacharelado em Biblioteconomia)—Universidade de Brasília, Brasília, 2011.
Resumo: Aborda os desafios enfrentados por uma biblioteca escolar pública que atende a deficientes intelectuais. Apresenta as funções da educação e o papel de uma biblioteca escolar. Define o deficiente intelectual em uma visão técnica e social. Aponta as medidas tomadas pelo governo brasileiro a respeito da acessibilidade educacional e informacional para os deficientes intelectuais. Discute a necessidade de medidas inclusivas no sistema educacional brasileiro. Identifica-se o deficiente intelectual e seu principal desafio na aprendizagem diversificada. Conceitua a diferença entre deficiência mental e doença mental, e define a educação especial, a inclusão, a acessibilidade e a sala de recursos. Apresenta quatro estudos de caso em escolas públicas de Brasília que possuem alunos com deficiência intelectual, com o diagnóstico dessas Instituições, seus projetos e desafios diários. Por fim, apresenta uma proposta de modelo de biblioteca escolar acessível a esses usuários. Constata que no Brasil o deficiente não é tratado como cidadão e que o papel da biblioteca escolar perante esses usuários é tornar possível a inclusão dos mesmos. _________________________________________________________________________________ ABSTRACT
The challenges of a public school library that attends students with intellectual disability are studied. It presents the roles of special education and of the school library. This research defines intellectual disability under technical and social perspectives. It indicates the governmental actions towards accessibility in education and information for students with intellectual disability, and discusses the need for inclusive action in Brazilian educational system. Intellectual disability is characterized, as well as the barriers in education for people with intellectual disabilities. The difference between mental disability and mental disease was studied and the concepts of special education, inclusion, accessibility and it was discussed the design of a special resource room in the library. This research was a case study conducted in four public schools in Brasília that have students with intellectual disability. The study includes the schools’ diagnosis, its projects and challenges. Finally, is proposed a model of school library accessible for people with intellectual disability. This research found that in Brazil people with intellectual disability are not treated as citizens, and one of the roles of the school libraries is to make their inclusion in society.
Informações adicionais: Monografia (graduação)—Universidade de Brasília, Faculdade de Ciência da Informação, Curso de Graduação em Biblioteconomia, 2011.
Aparece na Coleção:Biblioteconomia



Este item está licenciado na Licença Creative Commons Creative Commons