Utilize este link para identificar ou citar este item: http://bdm.unb.br/handle/10483/22834
Arquivos neste item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2017_PoliedsonBezerradaCosta_tcc.pdf537,73 kBAdobe PDFver/abrir
Título: A inclusão da pessoa com deficiência em cadeiras de rodas na educação física escolar
Autor(es): Costa, Poliedson Bezerra da
Orientador(es): Castro, Oséias Guimarães de
Assunto: Inclusão escolar
Estudantes deficientes
Educação inclusiva
Acessibilidade
Data de apresentação: 13-Nov-2017
Data de publicação: 3-Dez-2019
Referência: COSTA, Poliedson Bezerra da. A inclusão da pessoa com deficiência em cadeiras de rodas na educação física escolar. 2017. 38 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Licenciatura em Educação Física)—Universidade de Brasília, Universidade Aberta do Brasil, Duas Estradas-PB, 2017.
Resumo: Este estudo tem como finalidade promover uma reflexão sobre como vem se desenvolvendo o processo de inclusão dos alunos deficientes que usam cadeira de rodas nas escolas do ensino regular, principalmente quanto à questão da comunicação e a construção de conhecimento, numa proposta inclusiva. A partir das informações coletadas, constatou-se que o sistema de ensino regular não está preparado para receber e lidar com os alunos com este tipo de deficiência. As escolas são carentes de recursos básicos necessários ao processo de inclusão e os professores não estão preparados para recebe-los. Como consequência, não desenvolvem práticas e estratégias pedagógicas que atendam às necessidades educacionais desses alunos. Assim como se percebem as relações interpessoais, numa fundamentação sócio-histórico-cultural. E com a proposta da inclusão quais os obstáculos que profissionais e familiares encontram no decorrer deste processo, mesmo garantida por lei. Serão observadas as problemáticas existentes, através da coleta de dados e observações realizadas durante as práticas pedagógicas. Obviamente será constatado que o grande desafio da inclusão não são os alunos e nem os que apresentam qualquer deficiência, mas sim um sistema hegemônico de relações, historicamente e ainda resistentes às mudanças proposta pela sociedade ao qual estamos inseridos.
Abstract: This study aims to promote a reflection on how the process of inclusion of disabled students who use wheelchairs in regular schools has been developed, especially regarding the issue of communication and the construction of knowledge, in an inclusive proposal. From the information collected, it was found that the regular education system is not prepared to receive and deal with students with this type of disability. Schools lack the basic resources necessary for the inclusion process and teachers are not prepared to receive them. As a consequence, they do not develop pedagogical practices and strategies that meet the educational needs of these students. As well as perceiving interpersonal relations, in a socio-historical-cultural foundation. And with the proposal of inclusion what obstacles that professionals and family members encounter during this process, even guaranteed by law. The existing problems will be observed through the collection of data and observations made during the pedagogical practices. Obviously it will be verified that the great challenge of inclusion is not the students or those who present any deficiency, but a hegemonic system of relations, historically and still resistant to the changes proposed by the society to which we are inserted.
Informações adicionais: Trabalho de Conclusão de Curso (graduação)—Universidade de Brasília, Universidade Aberta do Brasil, Faculdade de Educação Física, 2017.
Aparece na Coleção:Educação Física



Este item está licenciado na Licença Creative Commons Creative Commons