Utilize este link para identificar ou citar este item: http://bdm.unb.br/handle/10483/21201
Arquivos neste item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2018_ElineJesusDeMenezes_tcc.pdf933,88 kBAdobe PDFver/abrir
Título: Alterações do nitrogênio e dos nutrientes em solo cultivado com plantas de cobertura e milho em sucessão
Autor(es): Menezes, Eline Jesus de
Orientador(es): Ramos, Maria Lucrécia Gerosa
Assunto: Solos - teor de nitrogênio
Plantas e solo
Data de apresentação: Jul-2018
Data de publicação: 21-Jan-2019
Referência: MENEZES, Eline Jesus de. Alterações do nitrogênio e dos nutrientes em solo cultivado com plantas de cobertura e milho em sucessão. 2018. 48 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Bacharelado em Agronomia)—Universidade de Brasília, Brasília, 2018.
Resumo: O Sistema de Plantio Direto (SPD) é uma prática de manejo utilizada com a finalidade de cobrir o solo, controlar o processo de erosão e proporcionar aumento nos teores de matéria orgânica e nutrientes. O uso das plantas de cobertura favorece o cultivo de culturas comerciais, como, por exemplo, o milho, que pode ser cultivado em subsequência e ser favorecido pelo fornecimento de nutrientes pela cobertura vegetal. Portanto, este trabalho teve como objetivo avaliar o efeito de plantas de cobertura nafertilidade e frações do nitrogênio do solo sob plantas de cobertura. O experimento foi realizado em um solo classificado como Latossolo Vermelho A moderado, localizado na Embrapa Cerrados, Planaltina-DF. Utilizaram-se seis espécies de plantas de cobertura: mucuna-preta (Mucuna aterrima), crotalária (Crotalária juncea), braquiária (Urochloa ruziziensis), trigo (Triticum aestivum), nabo forrageiro (Raphanus sativus) e vegetação espontânea. O delineamento experimental foi em blocos casualizados. A coleta de solo foi realizada em duas épocas: em julho de 2017, quando as plantas de cobertura estavam no seu período de floração, e em janeiro de 2018, quando o milho estava sob o solo. Nessas épocas, houve alteração das frações de nitrogênio no solo. A C. junceafoi a planta de cobertura que apresentou maior fração do N particulado, apresentando valores de 0,64 e 0,68 na primeira e na segunda coleta, respectivamente. O N disponível do solo foi semelhante entre as plantas de cobertura nas duas épocas de coleta do solo.
Abstract: The no-tillage system is a management practice applied with the purpose of covering the soil, controlling the erosion process and providing an increase in the organic matter and nutrients contents. The use of cover crops favors the cultivation of commercial crops, such as maize, which can be cultivated in a subsequent period and favored by nutrient support by the vegetation cover. Therefore, this work had as objective the effect of cover plants on the fertility and soil fractionation in the soil under coverplants. The experiment was conducted in a soil classified as Red Latosol A moderate, localized at Embrapa Cerrados, Planaltina-DF. They used the six species of cover: mucuna-preta (Mucuna aterrima), crotalaria (Crotalaria juncea), brachiaria (Trochum aestivum), forage turnip (Raphanus sativus), brachiaria (Urochloa ruziziensis) and spontaneous vegetation. The experimental design was in randomized blocks. Soil collection was carried out in two seasons: in July 2017, when the cover plants were in their flowering period, and in January 2018, when the corn was under the ground. At these times, there was alteration of the nitrogen fractions in the soil. C. juncea was the cover plant that presented the highest fraction of the particulate N, presenting values of 0.64 and 0.68 in the first and second collection, respectively. The available N of the soil was similar between the cover crops in the two seasons of soil collection.
Informações adicionais: Trabalho de Conclusão de Curso (graduação)—Universidade de Brasília, Faculdade de Agronomia e Medicina Veterinária, 2018.
Aparece na Coleção:Agronomia



Este item está licenciado na Licença Creative Commons Creative Commons