Utilize este link para identificar ou citar este item: http://bdm.unb.br/handle/10483/21182
Arquivos neste item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2017_AndreIgorDePaduaBoato_tcc.pdf1,84 MBAdobe PDFver/abrir
Título: Cultivo consorciado de hortaliças em área de sistema agroflorestal sucessional
Autor(es): Boato, André Igor de Pádua
Orientador(es): Junqueira, Ana Maria Resende
Assunto: Sistema agroflorestal
Agricultura orgânica
Data de apresentação: 15-Dez-2017
Data de publicação: 18-Jan-2019
Referência: BOATO, André Igor de Pádua. Cultivo consorciado de hortaliças em área de sistema agroflorestal sucessional. 2017. 56 f., il. Trabalho de Conclusão de Curso (Bacharelado em Agronomia)—Universidade de Brasília, Brasília, 2017.
Resumo: Este trabalho teve como objetivo avaliar a viabilidade técnica da consorciação de tomate, brócolis, couve e beterraba em um sistema agroflorestal sucessional.. O experimento foi realizado na Área Experimental de Agroecologia da Fazenda Água Limpa (FAL), Universidade de Brasília (UnB), no período de julho a dezembro 2017. O delineamento experimental foi de blocos ao acaso com 4 tratamentos em 8 repetições, com canteiros de 1,0m de largura e 16,20m de comprimento. Os tratamentos foram, T1:tomate/tomate; T2 tomate/brócolis; T3 tomate/couve; T4 tomate/beterraba. Foi avaliada a massa fresca do fruto de tomate da da raiz de beterraba por metro quadrado de área. Para couve e brócolis foi avaliada a quantidade de maços por metro quadrado, com peso aproximado de 300g. Não houve diferença significativa na produtividade do tomate entre os tratamentos, o que significa que as três espécies utilizadas no consórcio são companheiras adequadas para o tomate, não causando redução de produtividade.
Abstract: The objective of this experiment was to evaluate the technical viability of tomato, broccoli, cabbage and beet intercropping in a successional agroforestry system. The experiment was carried out in the Experimental Area of Agroecology of Fa-zenda Água Limpa (FAL), Universidade de Brasília (UnB). in the period from July to December 2017. The experimental design was a randomized complete block design with 4 treatments in 8 replicates, with beds 1.0 m wide and 16.20 m long. The treatments were, T1: tomato / tomato; T2 tomato / broccoli; T3 tomato / ca-bbage; T4 tomato / beet. The fresh mass of the tomato fruit of the beet root per square meter area was evaluated. For cabbage and broccoli the number of bun-dles per square meter, weighing approximately 300g, was evaluated. There was no significant difference in tomato productivity between treatments, which means that the three species used in the consortium are suitable companions for the tomato, causing no reduction in productivity.
Informações adicionais: Trabalho de Conclusão de Curso (graduação)—Universidade de Brasília, Faculdade de Agronomia e Medicina Veterinária, 2017.
Aparece na Coleção:Agronomia



Este item está licenciado na Licença Creative Commons Creative Commons