Utilize este link para identificar ou citar este item: http://bdm.unb.br/handle/10483/21134
Arquivos neste item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2018_ValmirCarneiroDeSouza_tcc.pdf2,34 MBAdobe PDFver/abrir
Título: Investigação não destrutiva de estrutura de pavimentos com utilização de equipamentos do tipo Ground Penetrating Radar - GPR
Autor(es): Souza, Valmir Carneiro de
Orientador(es): Mello, Luiz Guilherme Rodrigues de
Assunto: Pavimentos de asfalto
Rodovias - manutenção e reparos
Data de apresentação: 19-Mar-2018
Data de publicação: 5-Dez-2018
Referência: SOUZA, Valmir Carneiro de. Investigação não destrutiva de estrutura de pavimentos com utilização de equipamentos do tipo Ground Penetrating Radar - GPR. 2018. 54 f., il. Trabalho de Conclusão de Curso (Especialização em Auditoria de Obras Públicas Rodoviárias)—Tribunal de Contas da União, Universidade de Brasília, Brasília, 2018.
Resumo: Será objeto do presente trabalho a missão de abordar as principais características dos métodos não destrutivos de investigação de pavimentos, principalmente focado no método com utilização de equipamentos do tipo Ground Penetrating Radar – GPR. São elencados os principais métodos utilizados para investigação de pavimentos, iniciando-se com os métodos destrutivos, considerados os mais tradicionais e amplamente conhecidos pelos profissionais do ramo de engenharia de pavimentos. Também são listadas as características dos métodos semidestrutivos, com semelhanças em relação ao anterior, porém com uso um pouco mais restrito, devido à limitação de sua abrangência em termos de ensaios. O foco deste estudo são os métodos não destrutivos, adequados para cobertura de extensões maiores, mostra-se vantajoso por permitir inúmeras repetições no mesmo ponto e, dessa forma, avaliar a evolução de eventuais problemas investigados durante a vida útil da pista. Dentre os equipamentos utilizados no método não destrutivo, o foco deste trabalho é o GPR, equipamento com uma proposta de realizar levantamentos em larga extensão, por meio de processo geofísico de emissão de ondas eletromagnéticas, permitindo a coleta de informações na velocidade da via e sem necessidade de interrupção do fluxo de veículos. Serão apresentadas as principais características técnicas do GPR, bem como resultados de sua aplicação em avaliação de pavimentos, tanto no exterior, quanto no Brasil.
Abstract: The objective of this work will be to address the main characteristics of non-destructive methods of pavement research, mainly focused on the method using Ground Penetrating Radar - GPR. The main methods used for pavement investigation are listed, starting with destructive methods, considered the most traditional and widely known by professionals in the field of pavement engineering. The characteristics of the semi-destructive methods are also listed, with similarities in relation to the previous one, but with a little more restricted use, due to the limitation of their scope in terms of tests. The focus of this study is the non-destructive methods, adequate to cover larger extensions, it is advantageous to allow numerous repetitions at the same point and, therefore, to evaluate the evolution of any problems investigated during the useful life of the track Among the equipment used in the non-destructive method, the focus of this work is the GPR, an equipment with a proposal to carry out extensive surveys, through a geophysical process of emission of electromagnetic waves, allowing the collection of information on the speed of the track and no need to interrupt the flow of vehicles. The main technical characteristics of the GPR will be presented, as well as results of its application in pavement evaluation, both abroad and in Brazil.
Informações adicionais: Trabalho de Conclusão de Curso (especialização)—Tribunal de Contas da União, Instituto Serzedello Corrêa, Universidade de Brasília, Centro de Formação de Recursos Humanos em Transportes, 2018. Curso de Especialização em Auditoria de Obras Públicas Rodoviárias.
Aparece na Coleção:Auditoria de Obras Públicas Rodoviárias



Este item está licenciado na Licença Creative Commons Creative Commons