Utilize este link para identificar ou citar este item: http://bdm.unb.br/handle/10483/1919
Arquivos neste item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2011_SizueYuri.pdf197,03 kBAdobe PDFver/abrir
Título: Grau de adjetivo : flexão ou derivação?
Autor(es): Yuri, Sizue
Orientador(es): Naves, Rozana Reigota
Assunto: Língua portuguesa - adjetivo
Língua portuguesa - morfologia
Linguística
Data de apresentação: 2011
Data de publicação: 31-Ago-2011
Referência: YURI, Sizue. Grau de adjetivo: flexão ou derivação? 2011. 21 f. Monografia (Bacharelado em Letras Português)—Instituto de Letras, Departamento de Linguística, Português e Línguas Clássicas, Universidade de Brasília, Brasília, 2011.
Resumo: A análise do grau representa o estudo derivacional das palavras dessa categoria e se expressa por mecanismo sintático ou é uma simples flexão gradual do adjetivo? A verdade é que a dúvida permanece até entre os lingüistas, que não são unânimes quando fazem a abordagem da categoria de grau do adjetivo. Por isso, este trabalho tem o objetivo de discutir os conceitos e pontos de vista de gramáticos normativos e lingüistas para então fazer comparações entre eles e tentar chegar a um consenso a respeito do grau desta classe gramatical, ou seja, se é um processo derivacional ou flexional. A complexidade do assunto é enfrentada neste trabalho por meio de cotejos e pontos de vistas de lingüistas e gramáticos.
Informações adicionais: Monografia (graduação)—Universidade de Brasília, Instituto de Letras, Departamento de Linguística, Português e Línguas Clássicas, 2011.
Aparece na Coleção:Letras - Português



Este item está licenciado na Licença Creative Commons Creative Commons