Utilize este link para identificar ou citar este item: http://bdm.unb.br/handle/10483/16741
Título: Superando o desinteresse : o ensino da língua portuguesa em classes de aceleração por meio dos conteúdos midiáticos
Autor(es): Alves, Ana Paula Ribas Gomes
Orientador(es): Barrenechea, Cristina Azra
Assunto: Língua portuguesa - estudo e ensino
Ensino - meios auxiliares
Reprovação escolar
Fracasso escolar
Data de apresentação: 2015
Data de publicação: 2-Mai-2017
Referência: ALVES, Ana Paula Ribas Gomes. Superando o desinteresse: o ensino da língua portuguesa em classes de aceleração por meio dos conteúdos midiáticos. 2015. 57 f., il. Trabalho de Conclusão de Curso (Especialização em Coordenação Pedagógica)—Universidade de Brasília, Brasília, 2015.
Resumo: As reprovações escolares seguidas trazem um efeito muito prejudicial para a sala de aula: o desinteresse dos alunos pelas aulas. Os alunos que estão fora da faixa idade/série, por terem sido reprovados duas ou mais vezes, são inseridos em turmas de aceleração da aprendizagem, representando um grande desafio para os professores no que tange o ensino de português, por possuírem em geral uma enorme defasagem em termos de conteúdos básicos, leitura, oralidade e escrita. Os objetivos específicos desta pesquisa buscaram conhecer a opinião dos alunos sobre as aulas de português em classes de aceleração, identificar as estratégias usadas pela professora deles, verificar de que forma os conteúdos poderiam tornar as aulas mais interessantes, com o intuito de avaliar se os conteúdos midiáticos estão contribuindo para aumentar o interesse dos alunos em classes de aceleração pelas aulas de português. Foi realizado um estudo de caso, com enfoque qualitativo e quantitativo, dividido em dois momentos: aplicação de questionário misto para os alunos de aceleração do CEF 27 de Ceilândia e entrevista semiestruturada com a professora de português deles. Após a análise dos resultados, verificou-se que os conteúdos midiáticos contribuem para tornar as aulas de português mais interessantes. O estudo mostrou que o ensino por meio dos conteúdos midiáticos faz com que os alunos participem mais das aulas, aprendam melhor os assuntos e reflitam criticamente sobre a mídia e seus conteúdos.
Informações adicionais: Trabalho de Conclusão de Curso (especialização)—Universidade de Brasília, Ministério da Educação, Centro de Estudos Avançados Multidisciplinares, Centro de Formação Continuada de Professores, Secretaria de Educação do Distrito Federal, Escola de Aperfeiçoamento de Profissionais da Educação, Curso de Especialização em Coordenação Pedagógica, 2015.
Coorientador(es): Letti, Mariana Marlière
Aparece na Coleção:Coordenação Pedagógica

Arquivos neste item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2015_AnaPaulaRibasAlves_tcc.pdf989,36 kBAdobe PDFver/abrir


Este item está licenciado na Licença Creative Commons Creative Commons