Utilize este link para identificar ou citar este item: http://bdm.unb.br/handle/10483/15420
Arquivos neste item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2015_DilzaCassianoPereira_tcc.pdf437,85 kBAdobe PDFver/abrir
Título: Alunos com deficiência intelectual : aprendizagem e inclusão escolar em uma escola do município de Carinhanha - BA
Autor(es): Pereira, Dilza Cassiano
Orientador(es): Faria, Fernanda Cupolillo Miana de
Assunto: Inclusão escolar
Deficientes mentais - educação
Educação especial
Educação inclusiva
Data de apresentação: 2015
Data de publicação: 4-Jan-2017
Referência: PEREIRA, Dilza Cassiano. Alunos com deficiência intelectual: aprendizagem e inclusão escolar em uma escola do município de Carinhanha - BA. 2015. 49 f. Monografia (Especialização em Desenvolvimento Humano, Educação e Inclusão Escolar)—Universidade de Brasília, Universidade Aberta do Brasil, Brasília, 2015.
Resumo: Este trabalho de conclusão de curso tem como foco principal a discussão em torno do tema a inclusão escolar de alunos com deficiência intelectual em uma instituição de ensino de Carinhanha. O principal objetivo da pesquisa é identificar os procedimentos dos professores que trabalham com os alunos com deficiência intelectual e se estes estão atendendo às necessidades dos educandos, de forma a promoverem sua aprendizagem no espaço onde estão sendo inseridos. Optou-se por uma abordagem qualitativa, através da realização de observações em sala de aula, além de entrevistas semiestruturadas com familiares, discentes e docentes da referida instituição. Esses recursos metodológicos permitiram identificar como tem se dado o ensino-aprendizagem dos educandos com deficiência intelectual no cotidiano escolar da instituição pesquisada. Considera-se que essa investigação colabora para uma reflexão a respeito do assunto, compreendendo e ampliando os conhecimentos sobre os alunos com deficiência intelectual. Usou-se como fundamentação teórica alguns autores, dentre os quais destacamos: Carvalho (2010), Vigotski (2010) e Piaget (2002). Os resultados da pesquisa demonstraram que a escola precisa melhorar as condições de ensino relacionada a educação inclusiva, buscando junto aos órgãos competentes cursos de formação e capacitação na área da educação inclusiva para os docentes, outro fator preponderante é ampliar a parceria com a comunidade para que a família compreenda sua função de colaboradora no desenvolvimento educacional e social cultural da criança.
Informações adicionais: Monografia (especialização)—Universidade de Brasília, Universidade Aberta do Brasil, Instituto de Psicologia, Departamento de Psicologia Escolar e do Desenvolvimento Humano, Programa de Pós-Graduação em Processos de Desenvolvimento Humano e Saúde, 2015.
Aparece na Coleção:Desenvolvimento Humano, Educação e Inclusão Escolar



Este item está licenciado na Licença Creative Commons Creative Commons