Utilize este link para identificar ou citar este item: http://bdm.unb.br/handle/10483/1508
Título: Programa de mentoria : qualidade e natureza das relações entre mentor e mentorado
Autor(es): Daud, Laetitia Tavares
Orientador(es): Guimarães, Tomás de Aquino
Assunto: Desenvolvimento profissional
Mentoria
Comportamento organizacional
Data de apresentação: 2008
Data de publicação: 15-Fev-2011
Referência: DAUD, Laetitia Tavares. Programa de mentoria: qualidade e natureza das relações entre mentor e mentorado. 2008. 35 f. Monografia (Especialização em Gestão de Pessoas)-Universidade de Brasília, Brasília, 2008.
Resumo: O conceito de mentoria tem sido alvo do interesse de muitos autores em diversas áreas e está associado com a geração de conhecimentos empresariais, bem como o desenvolvimento de competências individuais e organizacionais. Diante de um ambiente cada vez mais turbulento e inconstante, as organizações têm recorrido a ações capazes de subsidiar e de nortear suas estratégias, já que a instabilidade é tida como a regra do mercado. Assim, a partir do tema em questão, esta monografia buscou descrever um programa de mentoria de uma empresa multinacional de consultoria e como mentores e mentorados percebem seus papéis nesse processo e como se dão essas relações. Foi realizada análise documental, que compreendeu a leitura e intepretação do programa de mentoria da organização estudada e os dados primários foram coletados mediante entrevistas presenciais realizadas com mentores e mentorados participantes do programa de mentoria, com o auxílio de um roteiro, sendo quatro entrevistas com mentores e quatro com mentorados. Os dados foram analisados com a utilização da técnica de análise documental e categorização dos dados. A partir dos dados coletados, podese concluir que o programa de mentoria estudado gera benefícios para a organização principalmente em nível de carreira. Contudo, existem alguns pontos relevantes que precisam ser observados. O primeiro diz respeito às mudanças de linha de trabalho que estão mudando as características do programa de mentoria, tornando-o menos necessário para o fim que se propõe. E, em segundo momento o quesito tempo foi uma constante entre os entrevistados, o que retrata a exigência da empresa em relação a resultados, mas não em relação a preparação de seus funcionários. Foi possível verificar, também, que as relações de mentoria decorrem muito mais de contatos informais no dia-a-dia de pessoas que compartilham o mesmo ambiente de trabalho, do que de exigências do programa formal de mentoria da empresa. Com isso, é possível concluir-se que programas de mentoria são interessantes quando inseridos em uma cultura que favoreça sua implementação, já que seus princípios de transferência de conhecimento e informação atingem seus objetivos de forma eficiente.
Informações adicionais: Monografia (especialização)—Universidade de Brasília, 2008.
Aparece na Coleção:Gestão de Pessoas

Arquivos neste item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2008_LaetitiaTavaresDaud.pdf308.53 kBAdobe PDFver/abrir


Todos os itens na BDM estão protegidos por copyright. Todos os direitos reservados.