Utilize este link para identificar ou citar este item: http://bdm.unb.br/handle/10483/14559
Arquivos neste item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2015_ReginaCelidosSantos_tcc.pdf1,88 MBAdobe PDFver/abrir
Título: Contribuições para superar o racismo na escola : valorização pelo re-conhecimento da importância da identidade, história e cultura afro-brasileira
Autor(es): Santos, Regina Celi dos
Orientador(es): Barbosa, Fabiany Glaura Alencar e
Assunto: Racismo
Cultura afro-brasileira
Discriminação na educação
Data de apresentação: 14-Nov-2015
Data de publicação: 13-Set-2016
Referência: SANTOS, Regina Celi dos. Contribuições para superar o racismo na escola: valorização pelo re-conhecimento da importância da identidade, história e cultura afro-brasileira. 2015. 80 f., il. Monografia (Especialização em Educação em e para os Direitos Humanos no Contexto da Diversidade Cultural)—Universidade de Brasília, Brasília, 2015.
Resumo: O presente trabalho tem por objetivo evidenciar a importância da valorização da história e cultura afro-brasileira, como forma de reduzir a prática do racismo na escola. No Brasil, por muito tempo prevaleceu o mito da democracia racial, gerado a partir do processo de miscigenação, de que no país predominava a tolerância racial em todas as suas formas. Diante das desigualdades históricas sofridas pela população afrodescendente, seja de aceitação e/ou de acesso às políticas públicas sociais, principalmente educação, entende-se que o não reconhecimento do valor e da importância da contribuição do negro para a sociedade brasileira é o que faz os afrodescendentes, ainda nos dias atuais, serem vítimas de práticas racistas e de intolerância. Assim, este trabalho objetiva despertar o re-conhecimento da identidade racial dos alunos afrodescendentes de escolas públicas, através de práticas interventivas, envolvendo os pais, alunos e comunidade escolar, para que não sejam excluídas da educação, pela discriminação direta ou indireta, por estereótipos negativos, ou práticas racistas, causados pelo não reconhecimento do seu valor enquanto pessoa detentora dos direitos humanos.
Abstract: This paper aims to highlight the importance in appreciation of history and African-Brazilian culture as a way to reduce practice of racism at school. In Brazil has been prevailing the myth of racial democracy, that was generated from the miscegenation process that in the country prevailing racial tolerance in all its forms. Before the historical inequalities suffered by Afro-descendant population, either acceptance and/or access to public social policies, especially education, it is understood that the non-recognition of the value and importance of the black contribution to Brazilian society is what makes the Afro-descendants even nowadays being victims of racist practices and intolerance. Thus, this paper aims to arise the re-knowledge of the racial identity of Afro-descendant students in public schools, by interventional practices involving parents, students and community school, this way they are not excluded from education by discrimination directly or indirectly, by negative stereotypes or racist practices caused by the non-recognition of his value as a person holding the human rights.
Informações adicionais: Monografia (especialização)—Universidade de Brasília, Instituto de Psicologia, Curso de Especialização em Educação em e para os Direitos Humanos, no contexto da Diversidade Cultural, 2015.
Aparece na Coleção:Educação em e para os Direitos Humanos, no contexto da Diversidade Cultural



Este item está licenciado na Licença Creative Commons Creative Commons