Utilize este link para identificar ou citar este item: http://bdm.unb.br/handle/10483/14442
Título: Avaliação das Comissões Intergestores Regionais (CIR) sob a perspectiva dos gestores municipais de saúde e dos representantes estaduais
Autor(es): Amaro, Juliana Apostolico Mastroeni
Orientador(es): Cavalcante, Pedro Luiz Costa
Assunto: Saúde pública
Sistema Único de Saúde (Brasil)
Política de saúde
Data de apresentação: Fev-2016
Referência: AMARO, Juliana Apostolico Mastroeni. Avaliação das Comissões Intergestores Regionais (CIR) sob a perspectiva dos gestores municipais de saúde e dos representantes estaduais. 2016. 38 f., il. Monografia (Especialização em Gestão Pública na Saúde)—Universidade de Brasília, Brasília, 2016.
Resumo: O artigo tem como objetivo avaliar o funcionamento das Comissões Intergestores Regionais (CIR) e seus efeitos na aplicação das políticas de saúde, sob a perspectiva dos gestores municipais de saúde e dos representantes estaduais que atuam nessas comissões. A CIR é um fórum de pactuação composto por esses atores, que busca exercer o papel de coordenação das políticas de saúde regionais, objetivando o fortalecimento do processo de Regionalização no país. Para tanto, procurou-se analisar três eixos principais para o entendimento do funcionamento das CIR no território, sendo: i. conformidade com o Decreto nº 7.508/2011 e Resolução CIT nº 01/2011; ii. Dinâmica de funcionamento das CIR e; iii. os efeitos sobre as políticas de saúde regionais. A pesquisa foi realizada através de survey aplicado online junto à esses dois grupos de atores e os resultados apontam uma visão positiva, por parte dos respondentes, sobre o funcionamento das comissões, baseado nas normativas que as regulam e também que a atuação das CIR contribui em alto grau para o aprimoramento das políticas de saúde no âmbito regional.
Abstract: The objective of this article is to evaluate the operation of the Regional Interagency Committee (CIR) and its effects on health policies, from the perspective of municipal health secretaries and state members. CIR is a forum composed by these actors and seeks to act as a coordinator of regional health policies, and contribute to the regionalization process in the country. In this way, the study looked at three main areas for understanding the functioning of CIR in the territory: i. accordance with Decree n. 7.508/2011 and Resolution CIT n. 01/2011; ii. operating dynamics of these committees and iii. the effects generated on regional health policies. The research was conducted through an online survey applied to these two groups, and the results indicate a positive perception on the part of the respondents, about the committees’s functioning, based on the laws and also, that the CIR’s performance contribute in a high degree to the improvement of regional health policies.
Informações adicionais: Monografia (especialização)—Universidade de Brasília, Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade, Departamento de Administração, 2016.
Aparece na Coleção:Gestão Pública em Saúde

Arquivos neste item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2016_JulianaApostolicoMastroeniAmaro_tcc.pdf1.08 MBAdobe PDFver/abrir


Este item está licenciado na Licença Creative Commons Creative Commons