Utilize este link para identificar ou citar este item: http://bdm.unb.br/handle/10483/14366
Título: Programa Nacional de Imunizações : a evolução do calendário de vacinação por meio da implantação de novas vacinas nos últimos 10 anos
Autor(es): Aquino, Lais Martins de
Orientador(es): Albuquerque, Pedro Henrique Melo
Assunto: Imunização
Vacinação
Saúde pública
Vacinas
Data de apresentação: 26-Fev-2016
Referência: AQUINO, Lais Martins de. Programa Nacional de Imunizações: a evolução do calendário de vacinação por meio da implantação de novas vacinas nos últimos 10 anos. 2016. 35 f. Monografia (Especialização em Gestão Pública na Saúde)—Universidade de Brasília, Brasília, 2016.
Resumo: O Programa Nacional de Imunizações (PNI) organiza toda a política nacional de vacinação da população brasileira e tem como missão o controle, a erradicação e a eliminação de doenças imunopreveníveis. O primeiro Calendário Básico de Vacinação foi instituído pela Portaria 452 em 1977 e trazia em seu escopo 4 vacinas. Atualmente, o PNI disponibiliza mais de 300 milhões de doses anuais, distribuídas entre 44 imunobiológicos, incluindo vacinas, soros e imunoglobulinas. Por sua grandeza, importância e tempo de existência, o PNI carrega consigo muita história, no entanto, o número de publicações científicas que retratam este histórico ainda é escassa: os registros estão concentrados em documentos e publicações institucionais, nas portarias ministeriais relacionadas ao PNI, e nos registros internos da Coordenação-Geral do Programa Nacional de Imunizações (CGPNI). O objetivo deste trabalho é compilar em um documento acessível e prático o histórico do Programa Nacional de Imunizações nos últimos 10 anos, com foco na evolução do Calendário de Vacinação por meio da implantação de novas vacinas e no crescimento do orçamento destinado ao Programa. Trata-se de uma pesquisa de cunho documental, exploratória e retrospectiva. Foi feita uma pesquisa documental para identificação das Portarias Ministeriais que instituíram e alteraram os Calendários de Vacinação entre os anos de 2005 e 2015. Além disso, foram utilizados registros da CGPNI, em especial Informes Técnicos; fontes de informação provenientes de periódicos científicos selecionados na base Scielo, para o mesmo período; e publicações da imprensa em geral. Foi possível verificar que entre os anos de 2005 e 2015 foram publicadas 4 Portarias que instituíam o Calendário Nacional de Vacinação e incluíam mudanças e/ou novas vacinas, foram implantadas nas rotinas de vacinação nove novas vacinas e houve um aumento de 500% do montante total executado pelo Programa.
Abstract: The National Immunization Program (PNI) organizes the national policy of brazilian population vaccination and has as its mission the control, eradication e elimination of the preventable diseases. The first Vaccination Schedule was established by the “Portaria 452” in 1977 and had in its scope 4 vaccines. Currently, the PNI offers more than 300 million annual doses, among 44 immunobiologicals, including vaccines, sera and immunoglobulins. Due to its greatness, importance and time of existence, the PNI carries a lot of story, even though, the number of scientific publications describing this history is poor: the records are concentrated in institutional documents and publications, in the ministry ordinances related to the PNI and in the internal records of the General Coordination of the National Immunization Program (CGPNI). The aim of this paper was to compile in an accessible and convenient document the PNI history in the last 10 years, focusing the Vaccination Schedule evolution by the implantation of new vaccines and the development of the Program budget. This is a documental, exploratory and retrospective research. A documental research was made to verify the ministry ordinances that established or modified the Vaccination Schedule between 2005 and 2010. Besides that, CGPNI records were used, specially Technical Reports; scientific journals selected at the Scielo data base for the same period; and press publications in general. It was possible to verify that between 2005 and 2015, were published 4 ordinances that established the Vaccination Schedule, including modifications and/or new vaccines; nine vaccines were added to the vaccination routine and there was a 500% increase to the Program budget.
Informações adicionais: Monografia (especialização)—Universidade de Brasília, Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade, Departamento de Administração, 2016.
Aparece na Coleção:Gestão Pública em Saúde

Arquivos neste item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2016_LaisMartinsdeAquino_tcc.pdf601.46 kBAdobe PDFver/abrir


Este item está licenciado na Licença Creative Commons Creative Commons