Utilize este link para identificar ou citar este item: http://bdm.unb.br/handle/10483/13516
Arquivos neste item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2015_LudmylaPereira.pdf729,01 kBAdobe PDFver/abrir
Título: Desenvolvimento de mudas de manjericão a partir de proporções de vermiculita + substrato comercial Bioplant ®
Autor(es): Pereira, Ludmyla
Orientador(es): Vilela, Michelle Souza
Assunto: Manjericão - cultivo
Adubos e fertilizantes
Data de apresentação: Dez-2015
Data de publicação: 2-Jul-2016
Referência: PEREIRA, Ludmyla. Desenvolvimento de mudas de manjericão a partir de proporções de vermiculita + substrato comercial Bioplant ®. 2015. 28 f., il. Trabalho de Conclusão de Curso (Bacharelado em Agronomia)—Universidade de Brasília, Brasília, 2015.
Resumo: O consumo e a produção de manjericão vêm crescendo nos últimos anos demonstrando a importância de estudos referentes às técnicas de manejo e cultivo dessa hortaliça não convencional. Um ponto importante para pesquisa tem relação com a questão dos diferentes substratos utilizados por produtores em todo Brasil, visando o melhor desenvolvimento de mudas com menores custos. Assim, o presente trabalho teve como principal objetivo avaliar o desenvolvimento de mudas de manjericão (Ocimum basilicum) a partir de diferentes concentrações do substrato comercial Bioplant®. O experimento foi conduzido em casa de vegetação,(temperatura,umidade) localizada na Estação Biológica da Universidade de Brasília – UnB, em abril de 2015,finalizando no final de maio. As diferentes concentrações do substrato, obtidas a partir de misturas com diferentes porcentagens de vermiculita e substrato comercial Bioplant®, foram inseridas em bandejas de poliestireno e receberam sementes de mesma origem. O experimento foi conduzido em delineamento de blocos casualizados e quatro repetições. As avaliações realizadas foram: porcentagem de germinação, comprimento de parte aérea, comprimento de raiz, massa fresca total e massa seca total. A partir das análises realizadas foi possível verificar que O Tratamento 2 (75% vermiculita e 25% Bipoplant®) proporcionou melhores resultados no desenvolvimento das plantas de manjericão testadas nesse estudo.
Abstract: Consumption and basil production has been growing in recent years demonstrated the importance of studies related to management techniques and cultivation of unconventional vegetables. An important point to research is related to the issue of different substrates used by producers throughout Brazil, in the best seedling development with lower costs. Thus, this study aimed to evaluate the development of seedlings of basil (Ocimum basilicum) from different concentrations of commercial substrate Bioplant®. The experiment was conducted under greenhouse conditions (temperature, humidity) located in the Biological Station of the University of Brasilia - UNB in April 2015, ending in late May. The different substrate concentrations, obtained from mixtures with different percentages of vermiculite substrate and commercial Bioplant® were inserted into polystyrene trays and received seeds of the same origin. The experiment was conducted in a randomized block design with four replications. The evaluations were: percentage of germination, shoot length, root length, total fresh mass and total dry mass. From the analyzes it was verified that Treatment 2 (75% vermiculite and 25% Bipoplant®) provided better results in the development of basil plants tested in this study.
Informações adicionais: Trabalho de Conclusão de Curso (graduação)—Universidade de Brasília, Faculdade de Agronomia e Medicina Veterinária, 2015.
Aparece na Coleção:Agronomia



Este item está licenciado na Licença Creative Commons Creative Commons