Utilize este link para identificar ou citar este item: http://bdm.unb.br/handle/10483/12818
Arquivos neste item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2014_FrancimeireOliveiradaSilva.pdf87,71 kBAdobe PDFver/abrir
Título: I-Juca Pirama como exemplo do uso da literatura indianista na construção da nacionalidade brasileira
Autor(es): Silva, Francimeire Oliveira da
Orientador(es): Pilati, Alexandre Simões
Assunto: Análise literária
Dias, Gonçalves, 1823-1864
I-Juca-Pirama
Poesia indianista
Literatura brasileira
Data de apresentação: 2014
Data de publicação: 8-Abr-2016
Referência: SILVA, Francimeire Oliveira da. I-Juca Pirama como exemplo do uso da literatura indianista na construção da nacionalidade brasileira. 2014. 20 f. Monografia (Licenciatura em Letras Português)—Universidade de Brasília, Brasília, 2014.
Resumo: Neste trabalho procura-se analisar o poema “I-Juca-Pirama” de Gonçalves Dias como expressão do discurso indianista do romantismo. O poema é uma clara apologia à figura idealizada do índio como representante da nação brasileira. Em “I-Juca Pirama” há a presença de elementos que mostram o poema como a representação de uma tribo indígena que remete a própria nação brasileira. O jovem guerreiro e sua epopeia procuram estabelecer o modelo romântico do bom selvagem à jovem nação brasileira, que por não possuir um passado medieval, busca no índio um modelo de antepassado e de símbolo nacional.
Informações adicionais: Monografia (graduação)—Universidade de Brasília, Instituto de Letras, Departamento de Teoria Literária e Literaturas, Licenciatura em Letras - Português, Monografia em Literatura, 2014.
Aparece na Coleção:Letras - Português



Este item está licenciado na Licença Creative Commons Creative Commons