Utilize este link para identificar ou citar este item: http://bdm.unb.br/handle/10483/11794
Arquivos neste item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2015_LaisCristianeOliveiradeCarvalho.pdf752,48 kBAdobe PDFver/abrir
Título: Violência doméstica e familiar contra as mulheres e o rompimento com conjugalidades violentas : uma análise qualitativa
Autor(es): Carvalho, Laís Cristiane Oliveira de
Orientador(es): Ribeiro, Isabela Ramos
Assunto: Mercado de trabalho
Violência contra as mulheres
Mulheres - emprego
Data de apresentação: 2015
Data de publicação: 2-Fev-2016
Referência: CARVALHO, Laís Cristiane Oliveira de. Violência doméstica e familiar contra as mulheres e o rompimento com conjugalidades violentas: uma análise qualitativa. 2015. 48 f., il. Monografia (Bacharelado em Serviço Social)—Universidade de Brasília, Brasília, 2015.
Resumo: Este Trabalho de Conclusão de Curso se dedica a verificar e problematizar se a entrada de mulheres vítimas de violência doméstica e familiar no mercado de trabalho formal é um fator determinante para a emancipação e/ou rompimento com conjugalidades violentas. Desenvolveu-se metodologicamente através de revisão bibliográfica e documental pertinente ao tema. O texto em tela busca questionar as construções sócio-históricas dos papéis masculinos e femininos dentro de uma sociedade classista, patriarcal e sexista. Constatou-se que a entrada no mercado de trabalho formal e o estudo são fatores fundamentais para que as mulheres em situação de violência doméstica e familiar se posicionem frente às violências vivenciadas. Não pretendendo esgotar o assunto, a pesquisa aponta que o desafio é, nos limites do Estado atual, construir políticas específicas que fortaleçam uma perspectiva de alteração das condições estruturais da desigualdade de gênero.
Abstract: This Project for Course Completion is dedicated to verify and discuss if the entry of women victims of domestic and family violence in the formal labor market is a key factor for emancipation and/or break with violent conjugalities. It was methodologically developed through bibliographical and documentary review pertinent to the theme .The text aims to question the socio-historical constructions of male and female roles in a class society, patriarchal and sexist. It was found that the entry into the formal labor market and the study are key factors for women in domestic and family violence situations are positioned opposite the experienced violence. Without claiming to exhaust the subject, the research shows that the challenge is within the limits of the current state, build specific policies that strengthen a change of perspective of the structural conditions of gender inequality.
Informações adicionais: Monografia (graduação)—Universidade de Brasília, Instituto de Ciências Humanas, Departamento de Serviço Social, 2015.
Aparece na Coleção:Serviço Social



Este item está licenciado na Licença Creative Commons Creative Commons