Utilize este link para identificar ou citar este item: http://bdm.unb.br/handle/10483/11382
Título: Atuação da enfermagem no centro de atenção psicossocial
Autor(es): Ataide, Erica Espindula
Orientador(es): Costa, Ileno Izídio da
Assunto: Centro de Atenção Psicossocial (CAPS)
Saúde mental
Enfermeiros - prática profissional
Data de apresentação: 2015
Data de publicação: 11-Nov-2015
Referência: ATAIDE, Erica Espindula. Atuação da enfermagem no centro de atenção psicossocial. 2015. [45] f. Monografia (Especialização em Saúde Mental, Álcool e Outras Drogas)—Universidade de Brasília, Brasília, 2015.
Resumo: Este estudo teve como objetivo principal questionar sobre o papel desempenhado pelos profissionais de enfermagem nos centros de atenção psicossocial, suas frustações e desafios ao desempenhar sua função nos novos paradigmas da saúde mental em conformidade com a reforma psiquiátrica. Aspectos dificultadores para a realização das funções da enfermagem neste novo contexto, como a falta de preparo da enfermagem para atuar na atenção psicossocial devido a sua formação ser voltada para cura orgânica, Devido a falta de preparo dos gestores em saúde que não existe interesse em direcionar os profissionais para realizarem tarefas de acordo com as suas especificidades e características individuais de cada um. A falta de conhecimento dos membros da equipe de trabalharem no aspecto da equipe interdisciplinar, devido a pouca interação destes. Gerando assim uma falta de identificação de alguns profissionais em atuar nas questões psicossociais, quando todos ou alguns estes agentes dificultadores estão presentes no cotidiano do profissional pode evoluir para um sofrimento nos profissionais que se estabelece no campo do somático que geram doenças que ocasionam faltas no trabalho e o aumento de atestados médicos. ________________________________________________________________________________ ABSTRACT
This study aimed to wonder about the role of nursing professionals in psychosocial care centers, their frustrations and challenges to play their role in the new paradigms of mental health in accordance with the psychiatric reform. Hindering aspects for carrying out nursing responsibilities in this new context, the lack of nursing preparation to act in psychosocial care due to their training is focused on organic healing Due to lack of preparation of health managers that there is no interest in directing professionals to perform tasks according to their individual circumstances and characteristics of each. The lack of knowledge of team members to work in the aspect of the interdisciplinary team, because of these little interaction. Lack of identification of some professionals in working in psychosocial issues, when all or some of these complicating agents are present in the professional routine may become a pain in the professionals that is established in the somatic field that generate diseases that cause missed work and the increase medical certificates.
Informações adicionais: Monografia (especialização)—Universidade de Brasília, Instituto de Psicologia, 2015.
Aparece na Coleção:Saúde Mental Álcool e Outras Drogas

Arquivos neste item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2015_EricaEspindulaAtaide.pdf560.27 kBAdobe PDFver/abrir


Este item está licenciado na Licença Creative Commons Creative Commons