Utilize este link para identificar ou citar este item: http://bdm.unb.br/handle/10483/11350
Título: Transtorno de estresse pós-traumático : uma consequência da violência sexual na infância
Autor(es): Monteiro, Bibiana Coelho
Orientador(es): Costa, Ileno Izídio da
Assunto: Transtorno de estresse pós-traumático
Violência sexual
Crime sexual
Crime contra a criança
Data de apresentação: 2015
Data de publicação: 6-Nov-2015
Referência: MONTEIRO, Bibiana Coelho. Transtorno de estresse pós-traumático: uma consequência da violência sexual na infância. 2015. 35 f., il. Monografia (Especialização em Saúde Mental, Álcool e Outras Drogas)—Universidade de Brasília, Brasília, 2015.
Resumo: A violência sexual contra crianças é um dos tipos de maus-tratos mais frequentes observados em nossa sociedade, é uma forma de violência quase sempre silenciosa e invisível, de difícil diagnóstico, que acomete todas as culturas e classes sociais. Apesar de ser descrita desde a Antiguidade e muito estudada atualmente, o assunto sempre foi cercado de estigmas e preconceitos e dessa forma continua sendo pouco notificado (e denunciado), dificultando o avanço em seu combate. Quando não reconhecida e tratada, a violência sexual deixa marcas profundas, apresentando inúmeros efeitos adversos, que podem causar prejuízos cognitivos, emocionais e comportamentais. A relação entre transtorno mental e abuso sexual é frequentemente observada na prática clínica e relatada na literatura, porém há uma escassez de estudos teóricos e empíricos no país que relacionam o transtorno de estresse pós-traumático e a violência sexual. Além disso, o diagnóstico desse transtorno não é muito reconhecido e tem recebido pouca atenção até o momento. Este trabalho buscou refletir sobre o tema, ao tentar compreender melhor a violência sexual infantil como sendo um fator de risco para o desenvolvimento de crianças, considerando o transtorno de estresse pós-traumático como o transtorno mental mais associado a esse tipo de abuso sexual. Dessa forma, foi realizada uma revisão bibliográfica, que relaciona tal transtorno, com a violência sexual na infância, suas manifestações e consequências, discorrendo sobre os fatores de proteção e a atenção psicossocial às vítimas. Houve unanimidade entre os autores sobre os prejuízos causados pela violência sexual à saúde mental das vítimas. ________________________________________________________________________________ ABSTRACT
Sexual violence against children is one of the most frequent types of ill-treatment observed in our society, is a form of violence almost always silent and invisible, difficult to diagnose, which affects all cultures and social classes. Despite being described since antiquity, and currently studied, it was always surrounded by stigma and prejudice and thus remains little notified (and denounced), hindering progress in combating it. When not recognized and treated, sexual violence leaves deep scars, with numerous adverse effects, which can cause cognitive, emotional and behavioral impairments. The relationship between mental disorder and sexual abuse is frequently observed in clinical practice and reported in the literature, but there is a shortage of theoretical and empirical studies in the country relating to post-traumatic stress disorder and sexual violence. In addition, the diagnosis of this disorder is not very recognized and has received little attention so far. This study aimed to reflect on the theme, to try to better understand child sexual violence as a risk factor for the development of children, considering the post-traumatic stress disorder as a mental disorder more associated with this type of sexual abuse. Thus, a literature review was performed, which relates this disorder, sexual violence in childhood, its manifestations and consequences, discussing the protective factors and psychosocial care to victims. There was unanimity among the authors on the damage caused by sexual violence to the mental health of the victims.
Informações adicionais: Monografia (especialização)—Universidade de Brasília, Instituto de Psicologia, 2015.
Aparece na Coleção:Saúde Mental Álcool e Outras Drogas

Arquivos neste item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2015_BibianaCoelhoMonteiro.pdf625.36 kBAdobe PDFver/abrir


Este item está licenciado na Licença Creative Commons Creative Commons