Utilize este link para identificar ou citar este item: http://bdm.unb.br/handle/10483/1064
Título: Hotelaria hospitalar em Unidades de Terapia Intensiva : análise comparativa
Autor(es): Silva, Maria Elenita Soares da
Orientador(es): França, Olga Eurípedes
Assunto: Humanização dos serviços de saúde
Hotelaria hospitalar
Data de apresentação: Set-2009
Data de publicação: 21-Jul-2010
Referência: SILVA, Maria Elenita Soares da. Hotelaria hospitalar em Unidades de Terapia Intensiva: análise comparativa. 2009. 45 f. Monografia (Especialização em Hotelaria Hospitalar)-Universidade de Brasília, Brasília, 2009.
Resumo: Esta pesquisa propõe uma análise quanto à interferência das práticas de hotelaria hospitalar nas Unidades de Terapia Intensiva de dois hospitais privados na cidade de Brasília/DF. A relevância de estudar esse tema consistiu na percepção direta da pesquisadora que lida diretamente com a frieza e a desagradável realidade de um ambiente cercado de dor e incertezas instalados na UTI de um hospital. Outro fator relevante é ampliação do conhecimento por parte das equipes que trabalham e ali atuam e na adoção de práticas que minimizem os problemas causados pelos fatores estressantes e freqüentes nesse tipo de ambiente. O processo metodológico baseou-se em uma pesquisa bibliográfica mediante o método descritivo, neste caso, no gerenciamento dos processos de uma UTI. Uma pesquisa documental sobre os processos de trabalhos e rotinas dos enfermeiros. Como instrumento de coleta de dados foi realizada a técnica de observação pessoal para identificar quais as práticas de hotelaria existem nas UTI dos hospitais. Foram aplicadas entrevistas a fim de identificar as principais dificuldades da UTI e um questionário com questões abertas e fechadas com a finalidade de identificar os serviços de hotelaria prestados. A população alvo da pesquisa compreendeu os 25 profissionais técnicos que atuam conjuntamente em um dos turnos, e neste estudo especificamente, a abordagem foi direcionada somente a uma população amostral por acessibilidade de quatro profissionais enfermeiras das UTI dos dois hospitais privados, que não são identificados tendo em vista preservar suas identidades. ________________________________________________________________________ ABSTRACT
This research suggests a for interference hospital hospitality practices in intensive care units of two private hospitals in the town of Brasilia/DF. The importance of studying this topic was in direct perception of the researcher that deals directly with the coolness and unpleasant reality of an environment surrounded by pain and uncertainty installed in a hospital UTI. Another relevant factor is skills on the part of the teams who work and ali and adopt practices that minimize the problems caused by frequent stressful and factors in this type of environment. The methodological process based on a bibliographic search by descriptive method, in this case, management processes a UTI. A search on work processes and routines of nurses. As an instrument of data collection was performed a personal remark technique to identify which hotel practices exist in UTI of hospitals. Interviews were applied to identify the main difficulties of UTI and a questionnaire with open and closed issues with the purpose of identifying the hotel services provided. Search target population understood the 25 technical professionals who work together on one of the shifts, and specifically in this study, the approach was directed only to a population sample for accessibility of four professional nurses of UTI of two private hospitals that are not identified in order to preserve their identities.
Informações adicionais: Monografia (especialização)—Universidade de Brasília, Centro de Excelência em Turismo, 2009.
Aparece na Coleção:Hotelaria Hospitalar

Arquivos neste item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2009_MariaElenitaSoaresSilva.pdf163.29 kBAdobe PDFver/abrir


Todos os itens na BDM estão protegidos por copyright. Todos os direitos reservados.